Arquivo de etiquetas: vontade

Geografia das curvas

Traças cada curva do meu corpo com os dedos, cada caminho onde se escondem todos os meus medos, como que se um mapa explorasses, terra virgem desbravasses, entre estradas e arvoredos, Continuar a lerGeografia das curvas

Hoje, mando eu….(talvez)

Texto M/18

Hoje não te vou mimar…vou amar-te rigidamente…
Olha bem fundo no meu olhar…e prepara-te para as putices que te vou sujeitar…
Vais sentir a dureza das minhas mãos…a agarrar-te, puxando-te para mim… Continuar a lerHoje, mando eu….(talvez)

Quando dois olhares se cruzam é porque as Almas se pertencem!

Olha…o que não te digo!

Vontade de pegar no carro e ir
ter contigo…
Surpreender-te no sítio onde menos esperas.
Talvez no trabalho, no restaurante…nas compras…
Em qualquer lado onde estivéssemos rodeados de pessoas, presos pelo olhar alheio…e ao mesmo tempo, livres para comunicarmos com o olhar…
Tenho tanta coisa para te dizer…para te fazer… Continuar a lerQuando dois olhares se cruzam é porque as Almas se pertencem!

Apenas sente…

Apenas sente…
Deixa-te levar, deixa-te ser conduzida pelo teu lado mais escondido que não abdicas mas teimas em ocultar…

Continuar a lerApenas sente…

Não queríamos sair dali, por nada!

Eu não queria sair dali por nada ….

Fechei os olhos, uma e outra vez, para continuar …
Soltei os movimentos do corpo a despertar do sono mas não do sonho!
Virei-me para ti e vi-te dormir …
Sereno e de sorriso nos lábios ! Continuar a lerNão queríamos sair dali, por nada!

Palavras sentidas.

Uso e gasto palavras …
tão pouca gente vive de palavras e sentimentos e eu teimosa , continuo a esbanjar-las…

Queria poder usá-las, olhando os teus olhos e vê las entrar … em ti!
Ver que as sentias , que as lias , tal qual me surgem no pensamento …. para ti !

Às vezes penso , que esta falta de ti, fez-se sentir na melhor altura!

Nos últimos anos ,sentia-me “despreparada”, dizia eu …
desculpas e mania minha de achar que não conseguia voltar aceder a um sentimento que há muito me foi proibido!
Mas agora que sinto , agora que o tenho,
agora que queima e cresce cá dentro , agora que não controlo todas as sensações que me dá…
… as que me doem pela falta e saudade …
… as que me despertam a magia das borboletas e da vontade de Amar …

E agora ??!….

©My Sighs 2017 #69Letras

Pescado como um sacana

Mantenho-me preso como um peixe em volta do isco..
Hipnotizado pelo brilho
do engodo que reluz na penumbra.
Vontades alimentadas pelos teus dizeres…
Pelos teus quentes acordares…
Os meus dedos anseiam sentir a leveza da tua pele despida de pêlos…
Ali onde a humidade se confunde com o calor…
Mordo os lábios com a ânsia de chupar os teus
Como se o anzol soubesse a prazer…
As tuas coxas feitas para serem afastadas…
Gemeres teus que soam a chamamento…
Uma verdadeira sereia com um rabo desprovido de escamas…
Convidativo ao meu paladar…

©Read Mymind 2017 #69Letras