Sonhei que estava deitado debaixo de um castanheiro e o sol batia em meu peito…

  Entraste era já madrugada, nem bateste e nem sequer pediste para entrar, vieste de mansinho e sossegada no meu sonho vieste te aconchegar. Acordei e sorri, daqueles sorrisos quentes, acendi a luz mas como á luz não te vi, tapei me novamente e esperando por ti adormeci. Sonhei que estava deitado debaixo de um…

Tornaste-te no meu mundo

Breve e penetrante foi o toque da tua mão na minha, célere e memorável é o encanto do teu olhar. Foi o tempo insuficiente para tanto! Merecíamos mais…juntos éramos mais! Eras tu na tua rotina era eu embrenhada na minha, mas juntos a cada suspiro lavados em saudade. Quantas vezes, em pezinhos de lã espreitei…