Arquivo de etiquetas: vida

destino prega-nos algumas surpresas para as quais não estamos preparados

image

Todos dizem “ EU, NUNCA!!!!”, pois é, nunca podem dizer que desta água não beberei, pois a vida leva-nos a dar muita volta e por caminhos que nós sempre pensamos não percorrer.

Tudo ao princípio parece correr na perfeição, tens uma casa, emprego e alguém com quem podes partilhar a tua vida. Como em todos os casamentos há altos e baixos, mas consegues ultrapassar essas barreiras. Até que…. Aparece-te outro desafio, mais ousado, mais exigente e descobres que vais ser Mãe!!!!!!, Uma sensação espectacular, sentires crescer dentro de ti alguém que irá depender do teu sorriso, do teu abraço, do teu carinho, compreensão pois não se sabe ainda expressar. Os anos vão passando e, vais vendo o teu casamento a ultrapassar todas as adversidades, vês a tua semente a crescer e a tomar formas, e pensas….estou a ser bem sucedida. Fico contente.

Mas…. O destino prega-nos algumas surpresas para as quais não estamos preparados, a vida estável que pensavas poder ter, começa a desmoronar se aos poucos. Começa tudo com o emprego, reajustes no pessoal. Olhas para ti e pensas, já passaste a idade “jovem” para emprego que vais fazer?

Como não és pessoa de te ir a baixo, procuras. Tentas procurar algo que te dê estabilidade financeira como a que tinhas, mas… a realidade é bem crua, não podes ter o que tinhas. Então quais as oportunidades que o presente te dá, tentares arranjar dois empregos. Fixe!! Mas… os valores não chegam, mesmo tendo o parceiro a ajudar.
Os filhos chegam a uma certa idade e, as “exigências” deles são superiores, mas a culpa não são deles, mas sim da sociedade em que vivemos.

Procuras todas as formas possíveis e imaginárias para poderes colmatar as faltas de que precisas, para conseguires a estabilidade que precisas. Mas qual a forma mais fácil? O que poderás fazer para poderes ter mais algum extra financeiro?

Arranjar outro emprego está fora de questão, o teu horário já não o permite. Pensas…Pensas… e… nada.

Mal ou bem tentas endireitar a vida.Tudo aparenta ser um mar de rosas, mas os espinhos nunca desaparecem. Qual não é o teu espanto que passado uns largos meses, tem a seguinte noticia -“Desculpa, mas com esta crise, temos de fazer economia de escalas.” – Fod@-se!!

Nova procura, mas nada…, Ele lá em cima esta me a fechar portas, as janelas abertas são poucas, mas não esmureço. Sei que Ele não me vai desamparar.

Uma partilha de uma Anonima

?A vizinha #69Letras

Como se volta à vida quando parte de nós nos abandona?

 

Eu não acreditava na vida depois da morte… No inferno…
Mas depois de ti…

Aprendi que ninguém sai de um amor com vida.

É óbvio que estou vivo, respiro, o meu corpo move-se dia após dia…
Mas a minha alma, o meu brilho, o meu lado de menino apaixonado, o meu encanto…
Levaste contigo no dia em que me deixaste.
Habito agora um corpo apático que outrora transpirava emoções…
Sobrevivo neste inferno que é não te ter e eu não chamo isto de estar vivo.

Como se volta à vida quando parte de nós nos abandona?

A falta que tu me fazes, ninguém faz.
A paz que tu me trazes, ninguém traz.
As saudades com que tu me deixas, ninguém deixa.

KingOfMysteries #69Letras

Entende meu amor, é impossível suportar ser tua por inteira e ter-te aos bocejos.

image

De todos os sentimentos o que mais gostei de sentir foi aquele que me provocaste.
Tu chegaste mais longe que qual outro, aliás anulaste todas as memórias que tinha, e marcaste-me com as nossas.
Tu dominaste o meu corpo, a minha mente e a minha alma só te restou ficar para seres ‘o tal’.
Eu poderia suportar a tua ausência e a tua vida sombria cheia de perigos caso a minha respiração não dependesse de ti, ou o meu corpo não precisasse da tua presença para sobreviver.
Entende meu amor, é impossível suportar ser tua por inteira e ter-te aos bocejos.
O que despertaste em mim, trouxe-me vida desde o momento que me fizeste tua.
Amor sádico, tão intenso, tão animal, tão puro, tão bom!
Gosto de discutir contigo e sentir o sangue fermentar entre a pele, gosto da tesão com que ficas sempre que sou insolente, gosto quando me possuis e declamas que sou tua, gosto quando me fodes com vontade de rasgar a minha pele de modo a diminuir o espaço entre as nossas almas.
Vou ter saudades da beleza do meu nome na tua boca.
Vou ter saudades do teu olhar que me despiu tantas vezes e me fez cair a teus pés.

?A vizinha #69Letras

Despida. Exposta.

image

Nus
Meus sentimentos
Meus sentimentos
Nus
Meu coração
Na companhia da solidão
Me dispo de tudo
Por fora
Me exponho
… De dentro
Esta é a minha condição

Saudades
A minha
Vivo-a
Com mágoa
Verdade
A minha
Vivo-a
Defendendo-a

Ser poeta
É ser
É saber passar
Aos outros
O que se sente
Ser poeta
É sentir
Amar
Ser poeta
É só
Ser gente

Lola #69Letras

 

O nosso crescimento depende todo da dor

image

Deixo-vos algo diferente para reflectirem.

No decorrer das nossas vidas passamos por tantas almas.
Encontramos pessoas amigas, pessoas tranquilas, complicadas, sofridas, amadas…cada relação é uma aula de aprendizagem.
Há quem seja negativa e se nutre da escuridão, mas há o reverso de quem transborda de luz, de felicidade..pessoas abençoadas, positivas.
Quando achamos que já vimos tudo, bate-nos à porta mais uma desilusão…mais uma lição de vida!O nosso crescimento depende todo da dor, pois não vi ainda ninguem a crescer do riso.
Assim é a nossa estrada da vida… uns dias ensinando outros aprendendo,outros dias decpecionando outros surpreendendo…. é uma estrada árida, mas às vezes florida.
Todos nós temos as nossas feridas, umas maiores que outras que custam a sarar mas, nesta estrada que percorremos arranjamos sempre uma força surreal para as sararmos…

Tenham uma BOA NOITE!!

LOLA