Arquivo de etiquetas: tristeza

Sufocada

Sinto-me sufocada,
Não me sinto,
Sinto-me perdida
em algo que lutei
mas deixei de ter forças
Sinto-me sufocada
numa relação que 
já não existe
Quero respirar mas o ar fica preso
Quero me libertar
Mas o sentimento é mais forte 
que eu,
Sufoco,
Quero acordar e pensar que 
isto tudo foi um sonho
Mas a realidade é outra
A dor persiste,
A mágoa é dolorosa,
Sinto-me sufocada 
para viver de novo,
A vida perdeu o brilho
Rendo-me ao inevitável,
Acabou!
Tens de superar,
Tens de lutar por ti,
Tens de te reencontrar
Mas as forças tendem abandonar-me
Sinto-me frágil,
Sinto-me sem chão
Sufoco para poder respirar,
Só queria sentir uma lufada de ar,
Aí saberia que poderia superar
tudo
©Lola 2017 #69Letras

In Pensamentos de um louco

Inócuo
Seres algo vazio sem sentido só porque sim,
Só porque à tua volta te pressionam e exigem,
Seguires as tendências,
Sem no fundo encontrares seja o que for que te identifiques,
Seres bombardeado incessantemente com efeitos visuais e sonoros exclusivamente
para te tornares mais um automatismo desta sociedade
que se degrada a cada segundo que o relógio assinala,
Tempo, esse ditador cruel que não se atrasa nem adianta,
Têm ritmo próprio, constante, rígido, directo,
Como tal faz a diferença,
Cria em ti a chama que alimenta a vida, a alma,
Ouve o que te emociona,
Lê o que te faz chorar e rir, pensar,
Vê o k te alegra, entristece, excita,
Te emociona, faz o que te dita a alma e o corpo
e transmite todas essas emoções a quem aborda,
Te rodeia, te escuta,
Tudo começa em ti, em mim, em nós, não sejamos inócuos,
sejamos transbordantes de emoções,
essencialmente de amor, amor ao próximo,
amor a todos os seres que nos acompanham neste berlinde azulado
Acima de tudo tenhamos amor, ao amor que damos e recebemos
e nunca sentiremos o vazio,
o frio do infinito, nada,
Assim sendo comecemos….
©Bastardo 2017 #69Letras

 

 

 

 

Ilustração: Artista francês cria universos de fantasia surreais inspirado por Hayao Miyazaki…

A tristeza

Ela chega e ataca.

Sem dó nem piedade.

Magoa-nos com tudo o que encontra.

Traz-nos memórias antigas sem pedir permissão.

Ela apodera-se do nosso coração.

Com ela vêm as lágrimas quentes que caiem em silêncio.

Os pensamentos negativos entram na nossa mente.

Faz-nos confundir o ódio com o amor.

Provoca sentimentos que não queremos sentir.

Cala-nos a voz.

As palavras de nada servem.

A tristeza.

Muito mal nos provoca.

Mas o amor permanece.

Por muito que a tristeza nos destrua

O amor mantém-se.

Não se sabe porquê.

Não se sabe como.

Só se sabe que:

O amor é mais forte.

 

© Fox 2017 #69Letras

O que faltou para se ser feliz

Uma bala na câmara
à espera de ser livre
Uma alma vazia 
à espera de ser preenchida
Uma pessoa sozinha
arrependida do passado
Porque tem de ser assim?
Porque dói tanto como se tivesse levado um tiro?
Porque de repente viras-te lixo?
O que faltou para se ser feliz?
© Lola 2017 #69Letras

https://www.aubaci.com/69letras

Visita a nossa loja online e obtém 10% de desconto em todas as tuas encomendas! 69 novas formas de prazer!

A última palavra

Sentou-se junto dela e ficou em silêncio, a olhar as ondas que se desfaziam em espuma na areia branca.
Ela também ficou em silêncio.
Ele desviou-lhe da cara os cabelos dourados.
Ela chorava em silêncio.
E o coração dele também começou a chorar.
“Desculpa por…” começou ele, mas ela interrompeu-o.
“Não digas nada. Nunca disseste nada. O silêncio é a tua melhor palavra.”
Ele sabia que ela tinha razão.
Nunca foi capaz de lhe explicar o que aconteceu, porque se afastou, porque a deixou sozinha sem nenhuma justificação.
Apenas se calou e saiu da vida dela sem uma palavra.
O silêncio foi a sua última palavra.
Mas a dor que sentia no coração não ia deixar que, desta vez, o silêncio fosse a última palavra.
Levantou-se e com o indicador escreveu na areia molhada.
Quando acabou, aproximou-se dela, limpou-lhe uma lágrima e beijou-lhe os cabelos.
Ela não falou, não se mexeu.
Apenas deixou que mais lágrimas caíssem pelo rosto.
Ele foi embora, deixando um rasto de pegadas atrás de si.
Ela olhou para trás e, quando já não o conseguia avistar, levantou-se e aproximou-se da areia molhada em que ele escrevera.
Um sorriso surgiu entre as lágrimas.
“Amo-te.”

© Fox 2017 #69Letras

Acabou…..

Acabou!…
Não podemos continuar neste impasse.
Fazes de mim gato sapato, usas-me como se de uma
peça vestuário se tratasse.
Chega!!
Amo-te. Mas esta relação de amor/ódio não vai terminar bem.
Nos dias em que as coisas te corre bem, és um excelente amante,
amigo maravilhoso, fazes-me sentir uma mulher bonita, desejada.
Mas quando os dias sombrios te assolam, viras um ” cabrão”,
tratas-me com desdém, como se fosse uma mulher de esquina.
Procuras-me só para descarregar a tua raiva.
BASTA!!!
Não sirvo para ser despojo de  ninguém, muito menos de alguém que não me valoriza.
Não sirvo de saco de boxe.
Queres libertar essas energias, vai para um ginásio,
pratica desporto, procura-te.
Busca em ti mesmo o que realmente queres desta relação.
Porque o único desporto, que algum dia poderás ter comigo,
será saber me amar, respeitar como mulher, amante e amiga.
Amo-te e sei que te vou amar sempre.
Sei que não podemos, nem devemos mudar ninguém, que temos
de aceitar como todos os seus defeitos, se gostamos
se amamos.
Mas sei que neste momento, nesta relação é só um amar.
Eu…
Liberto-te deste meu sonho, chegou ao fim.
Mereço ser feliz.
©Lola 2017 #69Letras

Dor

O que custa mais que tudo nesta vida,
Nesta passagem térrea é vermos quem nós amamos sofrer, e estarmos de mãos atadas
O que doí, é sofrer em silêncio,
Ver que recusam conforto, fecham-se a tudo e a todos.
Saber que podem sempre contar uma mão, uma palavra amiga, um ombro para amparar,
Mas no meio daquela raiva, qualquer gesto
Que faças, qualquer palavra dita
É recebida como um insulto, distorcida da verdade.
Compreendes, mas ficas magoada,
As palavras injustas proferidas, arrancam-te o ar, a tua alma
É como se tivesses sido apunhalada no coração.
O teu coração escurece,
fica duro como uma pedra.
O teu sofrimento torna-se num muro
Numa defesa impenetrável.
Poderão arrepender-se, poderás perdoar
Mas naquele canto vai existir sempre
Aquele vazio
©Lola 2017 #69Letras