Arquivo de etiquetas: trabalhar

Um daqueles dias…

Hoje estou num daqueles dias. Sabem? Aqueles onde só nos apetece ficar em casa a dormir. Esta tanto frio, e eu tão constipada. O meu nariz parece uma torneira enquanto escrevo isto. Estou fodida – e não no bom sentido. Tenho o meu corpo todo a pedir a cama, a cabeça a latejar de dor. E neste dia até me arrependo de ter um piercing no nariz – entendem porque, não? Só de pensar que me tenho de levantar, vestir, passear o cão e ir trabalhar até fico doente. Ah não espera, doente já estou! Bem mas sabem que mais?

Hoje é dia da mulher!

Por isso vou-me arranjar, passear o meu amor e vou trabalhar. Mas só depois de beber o meu café e preparar um chã de gengibre e limão com um pouco de mel. (Receita sagrada da minha mãe para todos os males.) Sou mulher e sou forte. E se esta constipação não piorar eu vou ultrapassar este dia.

Um bom dia a todas as mulheres!

xo

© Peregrinus 2017 #69Letras

Tu! Sim tu… Olhas para mim e o que vês?

12400646_1648410062071391_8216507256342639662_n

O lema da nossa vida.

Amada por uns,
Odiada por outros.

Por muito que queiramos satisfazer a quem nos rodeia.
Nem todos nos vêem da mesma perspectiva.
Como o ditado antigo diz:- Não se pode agradar a gregos nem a troianos.

Tu! Sim tu… Olhas para mim e o que vês?
Não sabes…pois…
Mas eu digo-te,
Sou alguém que está sempre onde tu precisas e quando precisas,
Sou aquela que te escuta, quando pensas que estou distraída,
Sou a pessoa que te admira e ama, sem tu saberes e que gostava que tu a amasses também.

Mas… a tua visão e mente dizem-te o contrario.
Sou uma gaja que não te larga do pé, quando queres estar só, mas sabes que precisas de apoio.
Sou simpática demais, não é normal.
Ela tem um sorriso falso, não é de confiança.

Digo-te… como te enganas a meu respeito…
A aparência exterior não é tudo e tu..
não te dás ao trabalho de conhecer a aparência interior.

LOLA #69Letras

Querido ________!

 

ab33a859a6eacce48d440260a48e70b9.jpg
Fotografia: Via Pinterest
É de conhecimento público e principalmente do teu que já não vivo sem ti.
Preciso de acordar com o teu cheiro e ter o teu sabor nos meus lábios para o meu motor começar a trabalhar!
Ao meio da manhã já morro de saudades… então rapidamente vou ao teu encontro e delicio-me…. mmmm!
Durante a hora de almoço faço de ti a minha sobremesa… (já estou a sorrir de satisfação….)
A meio da tarde é a já habitual rapidinha. Peço-te, tenho-te, invades a minha boca e engulo-te.
A noite…. a noite é diferente… há aqueles dias em que gosto de partilhar a tua companhia…. ou degustar-te sozinha…
A Vizinha