A doideira é tanta ….

És tramada… Acordo já vestido de vontades de ti. O corpo com evidentes sinais da tua existência nas suas reações!! Os apetites disfarçados com pão com manteiga. Entre a preguiça de me mover e a fome de te ter. O relógio odiado por me acordar do torpor em que estou a sonhar com beijos e…