Sou Put@, e que? (Parte 1)

Estou num daqueles dias mesmo caóticos. Tudo me corre mal desde que acordei. Acabei de chegar a casa e tenho de me despachar, pois tenho uma saída marcada com umas amigas. Tiro a roupa e entro para o duche. Abro a agua e: “Ahhh!” Merda não tenho agua quente. Mas que mal fiz eu para…

O sangue em frenesim!

  Ele não suporta o meu nariz empinado, nem o jeito com que o provoco fazendo exatamente as coisas que ele não gosta e ainda lhe sorrio descaradamente, sorriso esse que se rasga ainda mais ao ver a veia na testa dele a latejar… já sei o que me vai esperar… É uma especie de…