Mulher de sonho

Posso não ser a mulher que sonhaste, Mas garanto-te que sou a mulher que te ama   Posso não ter o corpo de modelo, Mas tenho curvas das quais te deixo explorar, E te deixo[…]

Continue reading …

Quando foi a última vez que te sentiste amada?

Quando foi a ultima vez que te sentiste amada? Somos amadas de tantas formas, Mas amada de corpo e alma, são raras as vezes. Quem nunca desejou ter aquela sensação de plenitude, de saber que[…]

Continue reading …

Já não sei quem sou

Vesti tantas peles ao longo desta minha estadia térrea, que já não sei que pele usar. Sinto-me despida, vazia, mas ao mesmo tempo prestes a rebentar. Acumulei tantas emoções, descarreguei tantas decepções que agora…. Já não[…]

Continue reading …

Sonhar…

Não sonhes muito alto Pois o sonho é como porcelana Quebra com facilidade Não sonhes ilusões Pois desvanecem-se como o vento Entre a realidade e o sono Sonhas Nesse mundo que criaste nessa fantasia em[…]

Continue reading …

Nestas minhas mãos

Nas minhas mãos que começaram pequenas, mal um dedo conseguiam agarrar, que aos poucos cresceram e aprenderam a brincar. Nas minhas mãos que descobriram arte, o escrever e o dedilhar, que acarinharam a Mãe, deixaram[…]

Continue reading …

Nossa vida poderia dar um livro..

A nossa vida poderia dar um livro. Poderíamos floreá-la com beleza e perfeição Mas seria a realidade? Haverá vidas perfeitas? Não! Há vidas remediadas. Vidas com muito sofrimento e luta ou vidas fáceis, em que[…]

Continue reading …

O que vi em ti?

O que vi em ti? Uma menina mulher determinada a atingir todos os objectivos, menos um. O amor, amar. Esse tal, que e o cerne da tua beleza. Esse tal para o qual te fechaste,[…]

Continue reading …