Quem sou eu?

Às vezes gostava de não ser eu. Gostava de ser outra pessoa. Gostava de ser uma desconhecida. E, na verdade, às vezes sinto-me como uma desconhecida. Não para os outros mas sim para mim. Sinto[…]

Continue reading …

Depois do Adeus

Depois do adeus… Fica o vazio, a tortura, O que ficou por dizer… Ou o que foi dito em momentos de raiva Dos quais não há volta a dar. Partiu-se tudo em cacos, Olhas mas[…]

Continue reading …

Amo a vida como Amo alguém

Sou um mero homem…   Apaixonado de mil amores… Por vezes o fogo consome a minha paixão numa tentação assolapada… Saudades de um amor apaixonado, de um beijo roubado, de um sussurro iletrado.… Soubesse eu[…]

Continue reading …

Essência

Esta é a tua essência, quem tu és, aquilo em que te tornaste, Uma poeira brilhante, iluminada, colorida. É esse brilho que marca a tua diferença dos demais, É com ela que te tornas única.[…]

Continue reading …

Se eu fosse um página…

Se eu fosse uma página deixava um pouco de mim em cada linha. Expunha o que a minha alma dita e o que o meu coração esconde. Em cada folha ficava marcada cada ponto épico[…]

Continue reading …

Pequenos gestos

Aparece. Quero ver o teu ser. Olha. Quero perder-me no teu olhar. Sorri. Quero sonhar com os teus lábios. Aproxima-te. Quero estremecer com a tua presença. Toca. Quero arrepiar-me com a tua pele. Respira. Quero[…]

Continue reading …

Deixar

Uma rapariga inocente abraçada a um homem não tão inocente. Os seus lábios tocam-se, as suas mãos percorrem caminhos, os seus corpos procuram-se. Ela quer sentir o calor do amor, o calor que ele emana, o[…]

Continue reading …