Cair no cliche de uma rosa

Não sou de bombons e ramos de flores caríssimos naquelas datas dadas aos clichés normais mas… Apeteceu-me! Vi alguém com uma rosa na mão e cobicei! AHHH Que pessoa horrível que sou, já sei! Mas assumo a minha pequenez ao sucumbir a tais normalidades. A vulgaridade de uma simples flor, meio despida e ausente de…