Foste uma desilusão

No meu quarto perco-me no horizonte, a relembrar todos os momentos Queima, Arde, Corrói Cada imagem que passa como se fosse um filme de amor, Entristece-me, As lágrimas correm espontâneamente pela minha face Tudo o que tinha guardado com alegria, Agora é um baú velho com memórias tristes,