Tocas-me com esses dedos atrevidos…!

  Tocas-me com palavras temperadas de versos ritmados que cantam saudades dos tempos recheados de especiarias variadas. 1 ramo de desejo, gramas de sedução, uma pitada de escuridão e uma malagueta de ardor foi assim servido o pecado que me aprisionou. Tocas-me com esses dedos atrevidos sedentos em mergulhar no doce pecado… Mergulha fundo, brinca…

15 Chocolates…

Texto Erótico | M18 Estou farta de estar à espera!!! Disseste que estavas a sair há uma hora atrás quando por norma demoras 10 minutos! Preparei-me para te receber, a pele a cheirar a mel, a lingerie rendada turquesa que me ofereceste sobre a mesma! Já liguei várias vezes, e vai directamente ao Voice Mail……

Sensorial…

Leio-te… As tuas letras são música numa pauta de maestro onde apenas quem sente a tua melodia saberá o que significam… Vejo-te… És uma bela e hipnotizante pintura, de pinceladas e contornos magníficos onde apenas quem tu permites ver conseguirá decifrar esse teu olhar e brilho… Ouço-te… A tua voz é um deleite para meus…

Só mais uma vez…

Texto Erótico|M18 Chega o final de tarde de mais um dia cheio de calor. Lá estava eu a relaxar na cama de rede presa às árvores, exausta de um dia de praia, a ouvir o som da natureza. “- Queres café?” – Aquela voz não me era estranha mas eu nem cheguei lá só queria…

Doce néctar feminino…

Texto Erótico | M18 Tarde de inverno! Estou a aproveitar o sol da tarde num café pitoresco onde, eventualmente, busco inspirações…o toque do meu celular desperta-me de intensas divagações, a mensagem diz: “O texto sairá às 19h!” E, assina: Vizinho #69Letras. Logo meus pensamentos anteriores transformaram-se em seios tesos que via-se por pequenos relevos na…

“… estás-te a babar toda!”

Texto Erótico|M18 Há uns meses atrás combinei ir beber um copo com alguns amigos meus. Fomos até a um bar e dai para um salão de jogos. Chegando ao salão reparei num homem esbelto. A cara dele não me era estranha, mas não me conseguia lembrar de onde o conhecia. Os meus amigos decidiram ir jogar…

A culpa é tua. Não tinhas nada de trazer esse vestido transparente

Texto Erótico|M18 “- Adoro as tuas transparências… – Eu sempre fui transparente. Não gosto de iludir as pessoas. – E nunca o fizeste mas hoje estás mais transparente que nunca. – Gostas deste vestido? – Adoro! Quando estavas a caminho da casa de banho o Engº Antunes parou no corredor e ficou de olhar lascivo…