Despi-me para ti.

Fotografia: Soft Focus Productions Despi-me pela primeira vez. Despi-me para ti. Não falo de roupas e acessórios. Falo-te de muros armaduras cadeados e fechaduras! É…. um dia tinha de ser. Como me sinto? Na corda bamba. Como uma folha desajeitada que balança ao sopro do vento prestes a cair. Despi-me para ti. Pela primeira vez….

Vem com tempo.

Fotografia: Via Pinterest Sempre que me apetece ver-te espreito pelos corredores na esperança de te ver chegar. Nunca sei se retornarás, se te voltarei a ver uma vez mais. É quando já não conto ver-te, que surges, como de surpresa! De surpresa, porque nunca sei se vens, quando e a que horas chegas. (O que…