Arquivo de etiquetas: perdida

O livro acabou….

O livro acabou,
Mas as páginas continuam em branco 
para ser preenchidas,
Cada linha um momento,
Cada página uma história,
O livro não acabou ,
tu é que saltaste o melhor
que estava acontecer,
Perdeste o interesse de ler
de me ler,
foi mais fácil pular da capa 
para a contracapa,
Do que apreciar o conteúdo
delicado, selvagem, 
cheio de paixão
Que te podia levar até 
aos teus desejos mais íntimos
Para ti o livro acabou,
deixaste de querer,
Para mim o livro começou
Comecei a viver de onde
me deixaste
©Lola 2017 #69Letras

Perdida e achada

Quando a minha alma estava
nos perdidos e achados
Tu vieste reclama-la
Quando a minha alma sangrava pela perda
Tu preencheste-a com alegria
Quando a minha alma estava 
perdida no limbo, sem rumo
Tu resgataste-a 
Iluminaste-a com todo o teu amor
Fizeste-me abrir os olhos
e ver que nem todos os caminhos 
são sombrios
Encheste a minha alma com cor
Renovaste o vazio e fundiste a tua
alma à minha.
Fizeste-me erguer de novo, 
Fizeste-me amar de novo,
Fizeste-me acreditar que o meu Eu
ainda pode ser amado
©Lola 2017 #69Letras

Não sei o que escrever

Já não sei o que escrever
Já não sei o que pensar
Sinto uma revolta
Uma vontade de gritar
Os meus olhos tudo vêem
mas nada conseguem assimilar
meu cérebro vacila
até a minha mão desvanecer
no horizonte
Já não sei o que escrever
Esgotei as minhas palavras
Sinto-me presa
Presa num mundo sem cor
sem brio
Tudo o que escrevi ou que venha a escrever
perde-se nesta imensidão
neste buraco sem fundo
Sufoco a minha vontade
Quero uma saída,
Busco uma luz que me aqueça
o coração de novo,
Um novo caminho de inspiração
Preciso de ti,
Tu és a minha inspiração,
Tu és quem eleva a minha alma
És aquele que ilumina a minha
imaginação
Preciso do teu amor
como do ar para respirar
é com ele que sei que caminho seguir
© Lola 2017 #69Letras

Perdi-me

Perdi-me.
E não me encontro.
Perdi-me,
Nas tuas pegadas junto ao mar,
Beijadas pela luz do luar.
Perdi-me,
Na tua silhueta no horizonte desenhada
Pelo sol da madrugada.
Perdi-me,
No teu corpo deslumbrante
Pelo qual anseio a cada instante.
Perdi-me,
No teu peito poderoso
Ao som do teu coração por mim ansioso
Perdi-me,
No abraço do teu calor,
Refúgio secreto do meu amor.
Perdi-me,
Nos teus suaves caracóis
Adormecidos nos meus lençóis.
Perdi-me,
No teu olhar de paixão
Que num piscar prendeu o meu coração.
Perdi-me,
Nos teus lábios pintados a aguarela
Dos quais ecoa a melodia mais bela.
Perdi-me,
No teu beijo de príncipe encantado
Que mantém o meu coração acordado.
Perdi-me,
No teu “amo-te” de loucura
Que me revelou a paixão mais pura.
Perdi-me,
No teu amor.
Perdi-me.
E não me quero encontrar.

© Fox 2017 #69Letras

Indica-me o caminho

Indica me o caminho,
Coloca me no caminho certo
Pois ando perdida
Perdida nas ruelas dos prazeres
Momentâneos
Indica-me como te encontrar
Nesses trilhos ardilosos
Indica-me o percurso para o teu coração
Porque o meu já o roubaste.
Se o destino assim entender que não
pertencemos a estarmos juntos,
Indica-me o caminho da felicidade
Mesmo que esta seja sem ti.
©Lola 2017 #69Letras

Amor e Ódio…

Não há passado que se sepulte sem o seu luto e tu teimas em não permitir o meu.
Falta-me a derradeira conversa, tu sabes-o tão bem.
Acredito que a ti também falta.


Tenho para mim que ainda estás perdida entre o ódio e o amor que me tens.


Se por um lado me odeias e achas que sou passado, por outro não consegues exterminar todas as ínfimas hipóteses futuras de um voltar, pelo eterno amor que ficou.


É… Por mais que não querias aceitar, tu sabes que amor como o nosso só se tem uma vez na vida.


Que muito dificilmente voltarás, tal como eu, a ter aquele brilho.
Que outro jamais ocupará o meu lugar e será o teu Sol, nos dias cinzentos.
Podes negar-me todas as conversas, fugir o quanto quiseres, evitar situações propícias a reencontros, mas meu bem, eu acredito que a nossa vida é feita de ciclos que se vão repetindo, trazendo-nos de volta situações por resolver e nós meu amor, vamos certamente voltar a cruzar-nos, nesta vida. Tenho certeza disso.
Até lá, sê feliz, que isso só por si só já me acalma o coração descompassado que trago no peito.


SilentSoul #69Letras

Só me apetece desaparecer

Estou num daqueles dias que só me apetece desaparecer.
Ir até uma praia deserta.
Sentir a areia nos pés e um vento leve na cara.
Sentar-me e desligar de tudo.
Hoje estou assim – a precisar do meu cantinho para esquecer tudo e desaparecer por um tempo.
Poder sentir o mar no meu corpo assim como o cheiro.
Poder dar um mergulho e lavar todas as mágoas e tristezas.
Quero gritar, chorar e sorrir como uma perdida.
Hoje estou a precisar.

Peregrinus #69Letras