Na madrugada do teu corpo

Texto Erótico|M18 Te sinto com meus dedos, me masturbo! Estou necessitada de você… Meu íntimo se aquece, um arrepio percorre toda a geografia do meu corpo. Madrugada e tua ausência, me maltrata. Sussurro, chamo teu nome… Ofegante, te querendo inteiro, dentro de mim! Ouça-me, são os meus dedos que viajam entre minhas pernas buscando nossos…