O teu corpo nu…

Espera… Não te movas!!! Permanece assim… Deitada… O teu corpo nu que perfuma os lençóis… Sim!

Continue reading …

Sentindo-NUS…

Preso a viciosas rotinas… tornei-me a palavra em forma de carne Sou o sentimento em braile…que anseia ser escrito no teu corpo. Ermita de sensações, que só eu julgava saber sentir…descobri-te em forma de livro.[…]

Continue reading …

Sonho ou realidade?

Texto Erótico |M18 Em conversa durante o final da tarde deixaste escapar que irias ficar a dormir num hotel perto de mim pois estavas cansadíssimo e tinhas que voltar de manhã cedo, por isso decides[…]

Continue reading …

Quando os meus olhos se fecham….

Quando a noite cai e os meus olhos se fecham, vejo-te a correr livremente pelo meu pensamento, de cabelo solto ao vento, feliz como as chitas de Shamwari. Vagueias em mim de pés descalços, de[…]

Continue reading …

Eu, tu e uma dúzia de gaivotas…

Deslizo os meus dedos macios pela tua pele eriçada, como que numa dança de cereais maduros nos longos campos livres da Califórnia do Sul, à mercê do vento e com sabor a maresia. Aprecio o teu tremor.  Demoro-me. Dedilho calmamente o teu[…]

Continue reading …

Como nunca

Mostra-me o que nunca vi. Olha-me como nunca me olhaste. Escreve-me a carta que nunca li. Beija-me como nunca me beijaste. Sorri como eu sorrio para ti. Toca-me como nunca me tocaste. Sente-me como nunca[…]

Continue reading …

Pára!

Pára. Olha para mim E diz que me amas. Não olhes para trás Enquanto a chamas. Pára. Pega-me na mão Leva-me numa viagem celestial. Não pegues na mão dela Nem a leves numa viagem angelical.[…]

Continue reading …