Arquivo de etiquetas: momentos

Fotografia

Fotografia
Fotografamos momentos
Momentos felizes
Momentos tristes
Mas esses momentos
Ficam presos no tempo
Ficam retratados numa película
Sem cheiro nem cor
Só lembrança
Lembrança de algo
que nos fez feliz
Mas a nossa memória
Supera qualquer pedaço de papel
A nossa memória grava cada gesto
Cada pormenor, cada cheiro
As cores que nos rodeiam
Com ela sentimos-nos vivos,
O nosso coração acelera
A cada recordação
Faz o nosso corpo vibrar
Para quê fotografar?
Se tudo o que precisamos
Está cravado, na alma,
No coração, na mente
Lola 2017 #69Letras

Redoma

Vivemos numa redoma, agimos como máquinas
Receamos sentir,
Sonhamos com o impossível, 
mas não deixamos de o fazer
Queres desviar-te das regras Standart
Queres Amar,
Sentir essa sensação, esse desejo
Precisas de saber o que amar tem tão grandioso
Que poder Amar tem entre duas pessoas
Como é que Amar consegue superar o sopro da vida
Ser a única razão de viver.
Gostavas de saber…..
Mas como?
Se só te sentes segura e feliz dentro dessa redoma,
que não te trará mágoa, desgosto…
Mas será que te trará felicidade, amor?
©Lola 2017 #69Letras

Foto

Pela objectiva da minha máquina imortalizo cada momento, cada vida.
Retrato cada olhar, cada gesto numa película
Momentos que irão ficar sempre na memória,
Serão apreciados por várias gerações.
Mas são momentos de desconhecidos.
E os meus momentos?
Por que objectiva vou gravá-los?
Quem poderá ve-los? 
Se os mesmos se encontram trancados a sete chaves na minha memória.
Mas gostava que…
Gostava que um dia pudesses ver,
Ver o quanto sonhei,
O que consegui atingir, quem amei
Com quem partilhei e partilho os meus segundos.
Se por breves minutos pudesses
Ver pela objectiva da minha mente….
©Lola #69Letras

Não Fujas!

Não fujas,
Não te percas,
Não desistas,
Não estás só,
Fica,
Segura a minha mão
Juntos ultrapassaremos os obstáculos
Apoia-te em mim,
Não desistas,
Dançaremos nesta tempestade,
Sorriremos ao chegar da bonança
És tu quem eu quero
E eu sou quem tu desejas,
Não fujas,
Vê o que já percorremos,
Não desistas.
Lola 2017 #69Letras

Eu e tu… depois das 8…


Texto Erótico| M18

Não preciso de palavras, sabes o que quero… o meu olhar sequioso grita directo à tua libido… Eu sei por esse olhar de malícia que me vais torturar antes de me dar o que quero, então, só por agora,  fecho os olhos e perco-me na doçura do teu toque. A urgência que nos rodeia faz com que em segundos me tenhas nua e escarrachada à tua mercê… Mergulho, entrego-me e ainda assim dizes-te dominado… Continuar a lerEu e tu… depois das 8…

Manhãs…

Aproveito o dia, vivo cada momento, faço magia, na tua pele escrevo poesia, deixo-me em ti entranhada, para que cada momento sem mim, te lembres do aroma a jasmim, e que a pele te deixe arrepiada, num arrepio gostoso sem fim.

Bebo cada palavra, sinto cada pensamento, tocas-me como ninguém, dás-me o melhor que a vida tem, vicio-me em cada momento, como se de uma droga se trata, e quando não estás tudo me falta, és o café matinal que me desperta, me deixa os sentidos alerta, o cigarro lentamente apreciado, depois de um pequeno-almoço bem saboreado e que para ti me deixa tão liberta.

São momentos tão nossos, tão íntimos, impossíveis de alguém compreender, mesmo não estando junto estamos, sentimo-nos, comunicamos, nesta ânsia do querer, os melhores momentos que se podem ter e quando nos temos sonhamos.

Miss Kitty #69Letras

A vida passa…

A vida passa, a um passo descompassado, gigante e acelerado, em que o destino é sina, dor que ninguém imagina, ou será talvez o meu fado, e o tempo inimigo e aliado, que me afasta apressado, de um passado tão indesejado.

Esse tempo é o meu fado, um fado mal fadado, de quereres, momentos e viveres, de tudo o que não foi alcançado, de um passado de prazeres, que a alma não saciaram, e no tempo perdidos ficaram, não passando de memórias, lendas fantasias ou histórias.

E no insistente presente, em que me foge o tempo, agarro-me aos parcos momentos, vivo sentimentos, neste coração parado, que na vida ficou estagnado, que com vontades se contenta, que o deixam triste e amargurado com uma falsa paz que o acalenta.

Mas esse passo apressado, que teima em não abrandar, e o tempo não parar, torna-se cada vez mais descompassado, e a sina da vida tenta mudar.

 

Miss Kitty #69Letras