Arquivo de etiquetas: mente

Coração aberto, mente bloqueada

Podes bloquear a mente
Mas o teu coração não bloqueia
Segue em frente,
Sem querer saber das consequências,
Abraça toda a felicidade
Que lhe bate à porta.
Vive cada batida que 
escorre pelas veias
Faz pulsar cada ponto do teu corpo
entorpece a tua mente,
induz-te a obedece-lo 
E tu, que fazes?…..
Rendeste ao inevitável,
Rendeste ao doce que é amar
Flutuas nas nuvens como se fosse um sonho
A tua mente tenta alertar-te,
dos perigos, dos sinais,
Mas tu, deixas passar tudo ao lado,
porque não queres amar na dúvida,
Queres a certeza de que aquilo 
pelo que estás a passar 
é verdadeiro,
Que podes ser feliz,
bloqueias a mente,
deixas o teu coração comandar
Soltas um sorriso de felicidade,
Sim,
Hoje, Agora
És Feliz!!!!
Lola 2017 #69Letras

Mente humana

A mente humana consegue facilmente esquecer todo o bem que faz,
seja ajudar o próximo, seja amar ou ser feliz.
Tudo o que poderia dar paz e bem-estar ao ser humano,
a mente distorce todos esses valores.
Fica mais fácil praticar tudo o que é ruim, sofrer e fazer sofrer.
A mente consegue sobrepor-se aos sentimentos do coração
negligência tudo e todos, manipula todos os nossos membros
A mente é um rolo de mentiras, decepções, desconfiança, mórbida.
Como poderemos confiar nela?
©Lola 2017 #69Letras

Depressão

Depressão? Sim… E, depois?

Depois, aprende-se a lidar…

É simples!

Mas não é nada simples, pois não?

A nossa mente não para de fazer subidas e descidas.

Entra em labirintos escuros e profundos, sem floreados, sem cores vivas.

Vinte e quatro sobre vinte e quatro horas, não conseguimos deixar de pensar.

De viver no nosso refúgio, com uma intensidade brutal.

Acocorados…

Agachados…

Encolhidos…

A realidade deixa de fazer sentido.

Nós deixamos de fazer sentido…

O pensamento?

 Vira um amontoado de palavras jorradas, mentalmente, quase como se de um vomitado diário e ininterrupto, se tratasse.

Um vomitado de muitas coerências a meio de muitas incertezas, por quase ninguém escutado …

©The Oyster 2017 #69Letras

 


Ups! E tu em cima de mim!

A noite caiu… ups! E tu em cima de mim.
Gosto tanto.
Gostar é pouco… tão pouco.
Mão marota, marotinha…
Percorres com esses teus dedos…hmm que pequena maravilha!
Atrevido de mente, audaz de movimentos,
Fico presa nesse olhar de pequeno demónio,
Desespero que acabes com a minha santidade,
Faz a busca da minha insanidade,
Satisfaz as nossas vontades,
Deixa-te de banalidades.
E sem dar por isso… a manhã chegou.
Deixamos na cama os demónios,
Até logo

 

©Krishna 2017 #69Letras

Sem medos

Porque insistes em afastares os teus braços dos meus se dizes que tens saudades do meu abraço? Falas muito das saudades que sentes do meu corpo, do meu cheiro e do meu sorriso. Mas fechas-te ao tentar-me aproximar de ti.
Desvias o olhar quando eu te procuro a alma. Imploras pelo meu corpo mas viras costas quando me dispo para ti.
Porquê? Que raio de luta é esta que nos empurra para um abismo de dor e depressão?
És frágil, eu também. Problemas, quem não os tem?
Não é a fugires de mim que se resolvem todas as inseguranças e dificuldades da vida. Não me empurres quando na verdade o que queres mesmo é abraçar-me e envolver-me em ti.
Fala comigo. Abre as portas desse labirinto da tua mente para que o meu amor te possa salvar.
abre mão dessas inseguranças mesquinhas que assombram o homem em ti. E se és um grande homem!
Com princípios como os teus, o mundo seria bem mais agradável de viver.
Sê orgulhoso de ti próprio. Eleva a tua mente à altura da tua grandeza meu amor!

©Miss Steel 69letras 2017 

A alma que te deseja.

Bom dia
Quero que saibas que foi sublime!
Não foi orgasmico!
Nenhuma noite louca de sexo!
Contigo sei que nem todo o sexo é uma relação física…
Entre nós não precisa existir algo tão palpável e que o corpo lembra no dia seguinte…
Existe algo mais…
O teu orgasmo emocional…
Intenso, longo…
A forma como te vieste em cima de mim…
Lenta… Prolongada… Com alma…
A vontade que tive de estar em ti…
Por cima de ti…
Apreciar-nos aos dois…
O modo como os nossos corpos se satisfazem por estar encaixados um no outro…
Desejei vir-me em ti…
Senti que querias apenas isso…
Ter-me em ti…
Abraçados…
Lábios que se procuram…
O meu corpo que se retesa e eleva acima do teu…
Os últimos movimentos desesperados pelo prazer de me vir em ti…
As tuas pernas que me puxam para dentro…
Nada mais foi necessário…
As nossas mentes estão apaixonadas…
O corpo deseja o que a alma necessita…

Read My Mind

15 Chocolates…

Texto Erótico | M18

Estou farta de estar à espera!!! Disseste que estavas a sair há uma hora atrás quando por norma demoras 10 minutos! Preparei-me para te receber, a pele a cheirar a mel, a lingerie rendada turquesa que me ofereceste sobre a mesma!
Já liguei várias vezes, e vai directamente ao Voice Mail… confesso que neste momento começo a preocupar-me… onde estás?

Será que ela vai gostar do belo ramo de orquídeas, dos bombons e do champanhe? Estou tão nervoso! O meu coração bate a mil e meu tesão lateja de tanto desejo! Hoje será especial, tem que ser!

E logo hoje, esta noite, é que te atrasas! Fazemos 15 anos, são muitos dias de nós os dois! E o impressionante é que te sinto hoje tal qual o primeiro dia! Ainda dou comigo a sentir aquele friozinho na barriga, as ditas borboletas no estômago! E o tesão, ahhhmmm! esse explode assim que me preparo para ti, assim que imagino as tuas mãos na minha pele!
As chaves na porta, chegaste!

Abro a porta e dou de caras com a minha Musa com a bela renda no corpo… Todos os dias me apaixono por ela, arrebata-me e deixa-me sem fôlego.
“- Olá meu Amor…
– Olá meu doce… Toma estas flores… São lindas mas não se comparam a ti… Prova este chocolate… É saboroso mas não tem o teu sabor… Prova este champanhe… É delicioso mas não tem o teu trago maravilhoso… Anda e vamos nos deliciar e saborear esta noite…”

Em segundos tirei o robe que trazia sobre o corpo, deixando-me assim a descoberto para ti!
-Olá meu Amor… Orquídeas acompanhadas de chocolate e champanhe, agora percebo a demora! Sabes tão bem como me mimar!
-Sim meu Amor, vamos saborear os chocolates e o champanhe mas deixa-me antes saborear os teus lábios, a tua boca com o beijo!
A forma como as tuas mãos deslizam no meu corpo enquanto nos saboreamos num beijo quente e intenso deixa me louca! Levo a tua mão até entre as minhas pernas, e faço-te sentir o quão louca de desejo, de tesão, tu me deixas! “-Tu deixas-me assim!” sussurro-te
“- Meu doce estás tão molhada!”
Levantas-me e coloco as minhas pernas de volta da tua cintura, e sinto-te tão duro! Dás uns passos e encostas-me á parede, seguras as minhas mãos contra a parede e saboreias a minha boca, o meu pescoço, o meu peito! Sobre o soutien passas a tua língua nos meus mamilos! Gemo de prazer a cada mordisquinha que dás!!! huuuummmmm…

Teus gemidos são delirantes e hipnotizantes, Teu odor enlouquece-me de tesão e por momentos sinto-me o homem mais lascivo e safado à face da terra.
“- Babe, essa lingerie fica-te mesmo muito bem mas vai ter que sair… ”
Num ápice livras-te do sutiã, e eu te livro das cuecas, deixando-te livre de roupa e cheia de vontade de me sentires dentro de ti..

Desaperto-te as calças, que fazes por caírem de imediato, arranco-te a camisa com tamanha vontade que os botões saltam pelo chão! Baixo-te os boxers e sedenta de ti abocanho te o membro, só para te saborear e gemes á minha investida! Aiii esse teu gemido!!! Tiro-te da minha boca e de imediato meto-te em mim…

Sem dó nem piedade, fodo-te contra a parede, segurando tuas mãos em cima da tua cabeça. Gemes intensa e prazerosamente como nunca o fizeste.
“- Fode-me caralho! Fode como se fosse a última vez que o faças! Fode, entra em mim com toda a gana e vontade, e deixa-me toda partida!”
Estas palavras são gasolina para o meu fogo ardente por ti meu amor! De investida atrás de investida, gememos alto e intensamente, como a primeira vez se tratasse!
Tu vens-te e o teu orgasmo impulsiona o meu, derramando em ti todo o meu amor, desejo e tesão…

Agora sim meu amor, vamos saborear os chocolates e o champanhe que trouxeste, temos uma comemoração a fazer! Dispões 15 chocolates sobre o meu peito e barriga! Cada um equivale a 1 ano nosso, e com um trago de champanhe partilhamos…
Chocolate, Champanhe e beijos quentes.. hummmm…
“- Amor, fode-me novamente como se fosse a última vez…”

JustIlusions & O Vizinho