Será que és tu quem procuro?

Dou por mim a imaginar-te das piores maneiras e feitios. Imagino-te pois nada mais me resta…  Envolto em mistério, sem um sorriso ou um olhar que honre o meu vislumbre. E no entanto dizes-me tanto.  O meu pensamento levita. Imagina como seria… Mas prendo-me à terra com unhas e dentes! Não! Não me vou perder…

Voyeur

Poderia ser propositado, ou até esquecimento, mas o casal vizinho deixava sempre a persiana aberta, o quarto à média luz o suficiente para os ver todas as noites amarem-se. Para mim era uma tortura e ao mesmo tempo inveja de não poder estar ou no lugar dela ou no meio deles. A forma como ele…

Subjugada

Espreito à espera de te ver Vesti-me assim dominante, confiante para te satisfazer, Hoje, mas só hoje subjugo-me aos teus prazeres, Submissa aos teus desejos, aguardo pacientemente a tua chegada Imagino o teu olhar queimar a minha pele, A tua boca provocar orgasmos no meu corpo. Oiço a tua voz rouca de tesão, sussurrar ao meu…

Queimaduras

– Entra, já conheces a casa diz-me ela num tom trocista, então ainda és vivo? Ali estava ela, morena, olhos verdes acastanhados, cabelos longos num rabo cavalo meticuloso, corpo esguio e com uns seios imponentes, firmes a saltar do top azul. Tal como os seus glúteos bem visíveis naqueles micro calções, o treino de ginásio…