Fecho os olhos…

Passo as noites em branco a pensar em ti… Em nós… Fecho os olhos e é quase como se tivesse sido ontem, como se ainda estivesses aqui… Quase que consigo ver-te ao meu lado deitada, quase que consigo sentir o cheiro da tua pele macia que eu tanto adorava sentir, quase que volto a sentir…

No fio da navalha…

Ando no fio da navalha, às vezes corto-me… lá calha, são cicatrizes que permanecem, de momentos que dificilmente se esquecem, mas vivo com intensidade, entrego-me ao prazer de verdade, de santa que não sou e pecadora sem maldade.

Mensagem subliminar

“Apetece-me um gelado…” Hum… Mensagem subliminar. “Não meu bem, não é o gelado que me apetece, és tu quem eu quero.” Sim, é a ti que desejo nesta tarde solarenga, neste dia de relaxamento e de preguiça.  “Sabes, não me apetece ficar em casa. Vamos aproveitar e tomar banho de sol, deliciar um belo gelado…

Conto – Parte 3

Texto Erótico|M18 O vestido cai e ele fica deslumbrado com o que avista… Um corpo sensual, fartos seios envolvidos no sutiã e na cueca rendada. Aquela roupa interior vermelha torna a menina inocente numa mulher segura e muito sensual. As poucas tatuagens que cobrem aquele corpo tornam tudo ainda mais fascinante. Ele está deslumbrado e…

Deixa-me ser o que olhas

  Deixa-me entrar em teu ser e ser alvorada, tirar os dedos um a um e abrir essa mão fechada, descobrir na palma da mão, na curva da vida abrigada, um porto de abrigo, uma janela, uma porta, uma nova entrada. Deixa-me entrar em teu ser e ser a colheita tardia, aquela que demora, que…

Os teus lábios são o teu cartão de visita.

Impossível esquecer a bela Margarida, morena magra com curvas deliciosas, olhos doces e penetrantes, lábios perfeitamente desenhados, sorriso escondido pela timidez mas impossível de resistir, cabelos negros e suaves como a seda que lhe escondem o rosto, e subtilmente discreta. Foi quando ela estava a picar o gelo para as bebidas que me aguçou a…