Metade de pecado

Cada durão sonha encontrar a sua metade. A sua metade de pecado, Prazer, De diversão. Podem ser duros, mas isso não chega. E serem fortes será  a melhor opção. Mas como qualquer bom coração, A[…]

Continue reading …

Banco de jardim 

Há dias em que paro a mente. Sussurro para mim mesmo o que estou a tentar fazer com a minha vida e o que desejo para mim. Se sou a pessoa certa, se sinto o[…]

Continue reading …

Senta-te aqui comigo… 

Vem… Senta-te aqui comigo.  Vamos demoradamente viajar entre as palavras do silêncio. Vamos olhar-nos como da primeira vez.  Vamos sentir o frio da pedra que penetra em nós enquanto o nosso silêncio nos aquece.  Vem…[…]

Continue reading …

PSIUUU! 

  É cedo… são 8 da manhã e espero pelo teu sorriso… Estive contigo até ao entardecer da noite e deixei-te apenas para ir descansar mas… Passei a noite a pensar e a contar as[…]

Continue reading …

Mundo seguro… 

Nas tuas mãos cabe um mundo inteiro. Nas tuas mãos torno-me pequeno como a areia e infinito como o céu estrelado em que nos entrelaçamos. Quisera eu saber o que me reserva o futuro e[…]

Continue reading …

Pontos de viragem… 

Novos ciclos. A vida é imprevista. Perturbadoramente e inesperadamente uma caixinha de surpresas. Num ponto de viragem que nunca esperei mudei tudo. Aposto numa alteração brutal por amor e por carinho que nunca, até hoje,[…]

Continue reading …

Escrevemos… 

Há dias em que queremos escrever e sentimos que nada faz sentido. Procuramos palavras, sentimentos, um motivo, uma atitude, um gesto, uma palavra… E nada faz sentido. Escrevemos porque nos liberta e nos faz despejar[…]

Continue reading …