Arquivo de etiquetas: gosto de viver onde estou

Não posso ficar onde sou comum

Depois de algum tempo a ir encontrei
finalmente um sitio onde quis ficar.
 
Desde o primeiro momento em que partir
ou desistir deixou de fazer parte dos meus afetos.
Em ti encontrei uma extensão de mim,
Uma vontade inigualável em permanecer
Num sentimento tão sublime que nasceu com
o efeito de um longo terno e apertado abraço.
 
Não me vejo a ir,
Não quero ir,
Mas se por alguma razão o for,
Será por sentir que já não sou bem recebida.
 
Ir, não me matará mais do que te ver ou sentir frio ou distante de mim.
 
É em ti que encontro o calor na alma mais reconfortante que alguma vez senti,
Um trespassar de beijo que me deixa a levitar…
Em ti, tenho força para lutar pelos meus amanhãs,
Em ti, ganho a vontade de ser e fazer mais.
Cresço contigo. Em amor e como pessoa.
 
Mas se um dia destes,
A indiferença for maior que o teu amor,
Eu vou. Partida em pedaços, com metade de mim em ti, mas vou.
 

Não posso ficar onde sou comum.

 

Uma pessoa que contigo se cruza na rua.

A VIZINHA #69Letras