Arquivo de etiquetas: frácil

Não me perguntes nada.

image

Não me perguntes quem sou tem dias que nem eu o sei. Sou tanto e tantas vezes sou menos, sou quem tem de ser naquele instante. Faz assim, não me perguntes é nada.
Olha-me e se me sentes, deixa-te de estar. Sente-me como se te tivesse a tocar, olha-me como se me devolvesses o toque afetuoso, procura o movimento no meu peito ao respirar, lê o que quero e responde de acordo com o que te mostro. O que digo difere tanto do que sou. Se te falar da minha força abraça-me porque também sou frágil. Não escondo quem sou, mas prefiro ser descoberta porque me sentem não pelo que eu digo. Sabes? Não gosto de falar. Gosto de olhar e estar. E se puder tocar saberás mais do que qualquer coisa que te possa contar. E o que sou, está no amor que dou, na entrega com que estou em cada instante. E se falo, sou tão menos ou tão distinta do que te posso despertar se nada disser.

A Vizinha

?A vizinha #69Letras