Um dia destes instalo-me em ti.

Um dia destes faço as malas para as desfazer numa vida ao teu lado. Um dia destes toco-te à campainha com os braços cansados carregados de bagagem, entrego-te e proclamas-me rainha do nosso lar. Um dia destes escondes-me as roupas e despida de medo vestes-me de ti. Jamais acordarei sozinha num tormento de saudades, abrirei os…

Achei que podia apagar o desenho…

Caricaturei-te desci ao teu redor para te cheirar achei que podia deixar de sentir-te desenhei no céu de estrelas outras tantas… só para te oferecer em dobro as que desejavas! Achei que podia apagar o desenho… era tinta sem volta e folha sem rasgo era tara perdida e soalho soado era pedra pisada e raiz…