Arquivo de etiquetas: dificuldades

Amarras da vida

Todos nós temos!

As amarras da vida não escolhem sexos, credos ou raças. Simplesmente estão lá para nos fazer dar o nosso melhor!

Para superar-nos!

Não são tão más assim. São pesadas! Parecem intransponíveis. Mas contudo possíveis quando nos esforçamos.

São barreiras que nos incitam a saltar mais alto. Ir mais além!

Obrigam-nos a olhar para fora da nossa caixa.

Afinal, não somos nós próprios que metemos essas mesmas barreiras nos nossos caminhos?

Vislumbremos o mundo lá fora!

Ganhemos coragem de transpor as nossas amarras e delas fazer vitórias!

Porquê?

Porque sim! Porque quero!

Porque sou muito mais que um simples espectador no meu próprio filme!

Afinal as amarras das nossas vidas, são as melhores coisas que nos podiam ter acontecido. De outra maneira como saberíamos, que afinal somos capazes.

Que afinal somos muito mais!

©Miss Steel 69letras 2017 

borrei a pintura dos olhos

d1a22efae09369c6380515817ef957f8.jpg

 

Na escuridão daquele recanto, borrei a pintura dos olhos com lágrimas que escorreram para o teu peito, e tu, nem te apercebeste.
Em silêncio chorei com a cabeça no teu peito, enquanto te ouvia contar sobre quando achaste que tinhas encontrado a mulher da tua vida.
No silêncio físico, até a respiração contive para que não te dês conta de que és muito mais do que realmente te mostro, mas mentalmente, dialogava com cada palavra que dizias.
Contaste-me em como falavam com o olhar, em como dispensavam palavras porque comunicavam com a alma, engraçado, por momentos podias ter falado de nós, um nós que interrompeste com medo da menina mulher que estava a tomar conta de ti. Hoje somos os chamados amigos coloridos porque nos condenaste só a isto.
No escuro daquele recanto lamentas não te ter apaixonado por mim, mentes. Não te apaixonaste porque reprimiste, abafaste o turbilhão de emoções que criei em ti, não te apaixonaste porque tens preconceito da minha juventude, não te apaixonaste porque os teus amigos que me desejam te contaminaram com dificuldades e obstáculos pela diferença de idades…. e naquele recanto, chorei em segredo, enquanto te escutava, enquanto te massajava e inalava o cheiro do teu corpo… e sem ouvires, disse: Nunca mais me vais voltar a ter.

 

A Vizinha