Doces despertares…

Acordo com o sol a rasgar pelas janelas do quarto… Aí espera… Estou na sala,  e não é de manhã. O sol já vai alto e estou meio no limbo… Sinto a barba roçar o meu pescoço e oiço aquele “Acorda delícia” que me desperta num sorriso terno. Revolvo-me na manta que está depositada no…

Daqueles Acordares…

Acordar e inalar esse teu odor que me consumiu e se impregnou na minha pele e na minha alma no momento em que me possuiste… E fui tua assim que os olhos se fecharam e a boca se abriu para receber esse beijo voluptuoso, exacerbado…

A nossa realidade é o sonho que sonhei e despertei..

Hoje acordei exausta… Sinto-me como se tivesse feito quilómetros durante a noite.. O que é certo é que o fiz. A minha mente esteve contigo! Poderia até ter sido bom, mas não foi.  Não estivemos sós. Veio à tona, tudo o que está preso no meu inconsciente.. Tudo o que está errado, tudo o que…

Não me perguntes nada.

Não me perguntes quem sou tem dias que nem eu o sei. Sou tanto e tantas vezes sou menos, sou quem tem de ser naquele instante. Faz assim, não me perguntes é nada. Olha-me e se me sentes, deixa-te de estar. Sente-me como se te tivesse a tocar, olha-me como se me devolvesses o toque…

Sonho.

Fotografia: Via Pinterest Sonho ver-te acordar. E estar ao teu lado e ver-te adormecer. Abracar-te e aninhar-me em ti. Sonho com o teu calor dos teus lábios nos meus e assim despertar. Despertar no teu sabor e amar o teu corpo logo pela manha. Sonho passear pela casa com o nosso cheiro em mim e…

Reclamo a tua ausência

Fotografia: Via Pinterest A claridade que rompe da janela do quarto não deixa dúvidas: mais um dia. Mais um dia que desperto e encontro a cama vazia do teu lado. Lembro-me de abrir os olhos pela manhã e ver-te dormir, enroscar-me ao teu corpo e assim ficar por tempo indeterminado mas agora tudo o que…

Presente de Natal

  (Ao telefone) Ela: Estás em casa? Ele: Sim Ela: Convida-me para subir Ele: Vem Ele abre-me a porta com aquele olhar de quem acabou de despertar de um belo sonho, deteto um leve sorriso naquele rosto sempre tão sério. Como é que ele consegue andar de tronco nu com este frio da Escócia? Tatuagem…