Deixar

Uma rapariga inocente abraçada a um homem não tão inocente. Os seus lábios tocam-se, as suas mãos percorrem caminhos, os seus corpos procuram-se. Ela quer sentir o calor do amor, o calor que ele emana, o calor que a faz ofegar. Procura-o naquele homem, dono de si, conhecedor dos caminhos do calor. Procura amor nos braços do…

Sim um Homem também chora…

Hoje vi uma fotografia tua. Bendito facebook! O meu coração disparou… Continuas linda, sexy, com o teu doce ar que sempre me fascinou. E eu continuo louco por ti. Vai fazer três anos, desde que tudo terminou entre nós. Vi um amor que pensei ser eterno morrer de repente, vi uma amizade que pensei resistir…

Vou te deixar…

Vou te deixar, não sei se por breves instantes, porque o tempo quando se deixa é tão mas tão relativo, que a vida que pensamos deter em mãos igualmente semelhantes, bombeia numa velocidade tal que a saudade não é mais que um adeus furtivo. Constroem se casas pelos alicerces, sobrantes dos despojos passados, edificam se…

Deixas os meus olhos fazer amor com os teus?

Olhar. Olhar para ti. Se eu pudesse os meus olhos só te veriam a ti, hoje amanhã, depois de amanhã e todos dias que sucedem a estes. Se eu pudesse nunca mais tiraria os meus olhos de ti. Deixas? Deixas-me perder? Perder no teu rosto, mas sem pressa? Posso passear-me pela tua barba e entre…