Arquivo de etiquetas: confundir

A tua pele sente falta de tocar em mim não é?

kylie-jenner-interview-magazine-3-780x520

Na fotografia: Kylie Jenner

Segue-nos no facebook.
Fantasias e enlouqueces com vontade de encaixar montar e desencaixar e voltar a repetir o jogo dos nossos corpos não é?
Arrisco a dizer que somos iguais, que nos desejamos com o mesmo fogo vontade e delírio. E o melhor é que tu sabes-me. E eu, sei-te.
Tu sabes desta minha satisfação em sentir uma pouco de dor, e eu sei dessa tua vontade de me dominar.
Mas da próxima vez…

Da próxima vez vou trocar-te as voltas,tirar-te a posse e comando, vou cuidar de ti e invadir totalmente a tua mente.

Shiuuu!

Este e muitos mais textos no facebook.

Da próxima vez, és meu convidado, meu desejo e minha vontade.
Da próxima vez, vou usar o meu rosto de menina embevecer-te e prender-te à cadeira, vou assumir o controlo do teu desejo tratar-te como uma criança se tentares rejeitar, vou te enlouquecer e fragilizar.
Desiste, porque vai ser do meu jeito, vou percorrer todo o teu corpo, sussurrar no teu ouvido cenários de perversão enquanto te disciplino com as minhas ancas, vou esconder a tua visão e confundir-te com o calor da minha boca.
Da próxima vez, vou-me erguer perante ti e silenciar a tua rebeldia, e tu, vais-te deixar ir, e só te soltarei quando em ti me saciar.

 

A Vizinha

Já descobriste o que é?

9e0f248d452b04f65c734b38eaf2c467

Já descobriste porque os teus olhos me seguem sempre que passo por ti?
Centenas são as vezes que te apanhei estático a observares-me.
Quantas perguntas, curiosidades te passam pela mente? Sim, porque tens um grande ponto de interrogação estampado no rosto.
O que te intriga?
Pára de tentar encontrar respostas no jeito com que mexo no cabelo, sorrio e sou delicada com quem converso. Não leias o meu corpo ele carrega o inverno às costas e vai te confundir…
Tu achas que tenho qualquer coisa, descobre sozinho.

Não tenho pressa de chegar ao fim.

Aqui, te confesso que seduziste a minha pele e deste um novo despertar ao meu corpo.

 

Sim, ele aclama pelo teu corpo, despido, no meu.
Aquela noite que subtilmente lançávamos ao vento o desejo de acontecer, teve, finalmente direito ao primeiro episódio.
Sei que tu, estejas onde estiveres, estejas a fazer o que quer que seja, estás a inventar os episódios que se seguem assim como eu… Mas sabes? Não tenho pressa de chegar ao fim.
Duas almas como as nossas necessitam de degustar o s3xo em toda a sua dimensão.
Vou descortinar, contrariar, confundir e dominar os teus cinco sentidos.
Iniciámos esta viagem que só irá terminar quando os nossos corpos se incendiarem pela fricção da nossa química enquanto saciamos o desejo carnal da mente e da alma.

 

 

Até lá… Exploramos….

Para já … Quero ver-te de novo.

 

Cátia Teixeira, Vizinha 69Letras® 2013