Arquivo de etiquetas: buraco

Brincadeira de mau gosto

Tem momentos em que a saudade aperta.

Ainda tudo parece uma brincadeira de mau gosto sem data de terminar. Mas estive lá, vi que não foi brincadeira mas mesmo assim continua a ser surreal de mais para ser verdade. Se eu não tivesse lá estado, poderia achar que tudo isto não passa de um equivoco, mas estive e ainda assim dentro de mim, existe a esperança que um dia destes tudo vai voltar ao normal, porque nada disto pode ter acontecido.

Não pode. A minha mente está doente, ou não será a mente, mas a alma e o coração destroçado? Como posso eu delirar e esperar que retornes do oposto da vida? Da morte?

Eu estive lá vi o teu corpo repousar, escutei os sinos e a terra a tapar a tua nova casa…. eu estive lá, então porque me parece tudo mentira? Não pode existir esperança na morte.

Oh meu amor! Daria a minha alma em troca da certeza de te voltar a ver. Derrubaria esta grande divisão, tudo para te ver uma vez mais sorrir.

O meu sorriso é decoração, os planos que faço para esta minha vida são colagens em cima de tristeza sem coração. Caminho desanimada, caminho perdida cheia de saudade!

Desejaria que me fosse arrancado o meu ultimo fôlego para deixar de sonhar contigo enquanto durmo e poder sonhar acordada a olhar para ti e voar imortalmente ao teu lado.

E tudo isto é demência, é dor gritante, escondida dentro de mim, não consigo te deixar ir, embora soe a loucura é esta realidade distorcida que ainda me segura.

 

 

A Vizinha #69Letras

Não é para curiosos.

 

Na fotografia: Khloe Kardashian

khloe-kardashian-complex-today-150728-tease_43b9b43c07f232154eed6cb4996fffaf.today-inline-large

Deslumbras-te.
Segue-nos na nossa página do facebook!
Queres entrar e fazer parte da minha loucura, chafurdar no meu mundo.
Impões-te, forças a tua presença numa persistência que me soa a idiotice.
Porque tentas entrar, senão me vais conseguir tocar?
Porque te deslumbras com uma mente pela qual não conseguirias conviver diariamente? Não te vou deixar espreitar para satisfazeres a tua curiosidade ou a excitação que antecede a novidade. Vais ficar aí, por tempos infinitos a tentar espreitar pela fechadura.
Para pertenceres ao meu mundo, tenho de te escolher.
Tens de me tocar.
Sabes? A coisa é que este tocar não é visível ao toque… é coisa de alma, de loucos.
Não é para curiosos. Para quê entrares se não vais saber como ficar?

Não te largo de mim, por ninguém. Ou nós, ou nada.

c31ed0e89e86e560d9791be4d9100860

Fotografia: Via Pinterest

Este ano experimentei a dor de perder parte de mim, parte escondida e suprimida. Foi quando perdi o meu grande amor que soube que a minha felicidade me tinha sido levada!
Dizem que o tenho de esquecer… Engano teu que o afirmas.
Vou continuar a amá-lo pelos cantos das noites, nos meus passeios solitários onde te dou a mão nas sombras que se cruzam comigo, nas viagens de carro onde canto para ti, onde sorrio pela memoria de quando espreitava pelo canto do olho e te via a torcer o nariz pela minha falta de talento vocal…
Já tinha aprendido a lidar com a tua ausência, agora vou aprender a aceitar que já não enches este mundo com o teu sorriso.
Partiste fisicamente, mas ficaste no meu peito.
O buraco que tenho no peito, não vai passar por te esquecer, mas sim por te aceitar em mim, permitir-me continuar a viver contigo, ausente mas sempre ao meu lado.
Quando voltar a gostar de alguém, vou amar essa pessoa contigo do meu lado.
Não existo apenas eu.
Existirei eu e tu… e mais alguém, talvez um coração aventureiro com a bravura de um cavaleiro.
Não tenho coragem de te deixar, nem libertar o meu peito, dizem que me maltrataste e que por isso não mereces o lugar que ocupas, até pode ser verdade, mas eu gosto de gostar de ti, desta forma sem explicação, desta forma em que a razão é sã, mas o coração é louco por ti.
Quem vier, terá de me partilhar contigo sempre presente atrás do meu olhar, escondido em cada sorriso.
Não te largo de mim, por ninguém. Ou nós, ou nada.
Esta é a promessa que te faço no silêncio da voz, mas no compromisso desta palavras sobre nós, que partilho com o mundo!

?A vizinha #69Letras