No teu colo o meu desmaio

  Subitamente Encostada ao parapeito Do teu peito Alucinei pensando… Ancorei o barco do abraço No despertar pestanejante Do teu beijo Sacudi auroras esvoaçantes Pingos de chuva alojados Nos cabelos Subitamente No teu colo o meu desmaio Assim Alvorada de mim embebida em calma Subitamente no chão, no tapete… Tive-te… Subitamente! Ela