Perdida e achada

Quando a minha alma estava
nos perdidos e achados
Tu vieste reclama-la
Quando a minha alma sangrava pela perda
Tu preencheste-a com alegria
Quando a minha alma estava 
perdida no limbo, sem rumo
Tu resgataste-a 
Iluminaste-a com todo o teu amor
Fizeste-me abrir os olhos
e ver que nem todos os caminhos 
são sombrios
Encheste a minha alma com cor
Renovaste o vazio e fundiste a tua
alma à minha.
Fizeste-me erguer de novo, 
Fizeste-me amar de novo,
Fizeste-me acreditar que o meu Eu
ainda pode ser amado
©Lola 2017 #69Letras

Podia ser um fado…

É tão triste este meu fado.
Toda esta enorme sina.
Que canto num grito abafado.
De mulher mas tão menina.
Continuar a lerPodia ser um fado…

Livre…

Quero ser livre e sair de mim, poder gritar a plenos pulmões, para desvanecer ilusões, vestir uma segunda pele, mesmo que o corpo protele, não quero viver assim.

Quero escancarar as minhas gavetas, livrar-me de coisas tristes e pretas, dar cor e cheiro à vida, que sinto há muito perdida.

Nesta minha loucura insana, de vida sagrada ou profana, quero render-me à carne, que o Diabo em mim encarne, poder deixar de ser santa por um dia, deixar o desejo fazer magia, abrir todas as janelas, a realidades de vidas paralelas, do querer e do sentir sem limites a cumprir.

Só quero ser livre e sair de mim, e à monotonia pôr um fim…

 

© Miss Kitty 2017 #69Letras

Adeus

É sempre difícil dizer adeus.
Quando a minha vontade é ter-te sempre ao meu lado,
Deixar-te partir mesmo que seja por algum tempo, é doloroso,
Fica um vazio em todo o meu ser.
Fico insípida para o resto do mundo.
Ver-te partir nunca foi opção para mim,
Sempre pensei que nada pudesse te afastar
Partidas para mim só significam saudades,
E saudade é algo que nunca deveria ter.
©Lola 2017 #69Letras

Vida é preciosa

Tu não tens noção do quão a vida é preciosa
Não tens noção do milagre que é acordar no dia seguinte
Não tens noção da alegria e compensação que tens
por cumprimentares e dizer o quanto amas
a quem te é mais próximo,
Até….
Até ao dia em que te tiram o chão debaixo dos teus pés,
Vês a vida de quem tu mais amas num limbo
Com incertezas de qual vai ser o resultado 
Aí… Pensas,
Valerá a pena as discussões,
as discordâncias de pontos de vista,
a distância colocada entre ambos.
Quando no final a única verdade nua e crua,
está deitada numa cama, pávida e serena
com o olhar a brilhar à procura da esperança
no nosso olhar.
Nessa altura esquecesses tudo o que se passou
e por entre um sorriso amarelo, e um olhar 
marejado de lágrimas, que tentas engolir
Repousas a tua mão em seu braço 
e dizes que tudo irá correr bem,
mesmo tu sabendo que o desfecho
era incerto.
©Lola 2017 #69Letars

E dizia eu…

Acho que a minha alma não estava ali, saiu do corpo parar me “mirar” de fora.
Estava apenas o meu corpo e as minhas vontades que eram tantas !

Sentia-me encantada….. se é que ainda seria possível isso!
O buraco vazio que tinha em mim era tão grande e a tua subtileza disfarçada na tua habitual postura, preencheu-o na perfeição !
Nem me apercebi!
Foi sem contar, foi mágico, foi acontecendo!
Deixei fluir, fui deixando, eu gosto de sorrir, de conversar com quem saiba conversar!
Deixei andar, senti que estava a gostar, também te senti gostar! Continuar a lerE dizia eu…

Que gozo me deu ouvir-Te “ÉS MINHA!”

CONTO ERÓTICO M|18 🔞

Tiveste um dia cheio de reuniões e formações,
ao final do dia um jantar…

Ficou combinado eu ir ter contigo a Lisboa, ao hotel onde estavas hospedado!
Quero-te longe de tudo e todos … só meu!
O Jantar alongou-se demais … comecei a achar que teria feito a viagem em vão,
tão raro conseguir uma saída assim do meu mundo para vir ao teu!
Finalmente, quase meia noite e ligas a dizer que estás despachado!
A minha voz tensa apenas diz que venhas a voar, ter comigo ao Hotel! Continuar a lerQue gozo me deu ouvir-Te “ÉS MINHA!”

Recebe o que dás

Por favor, aguarda...

Subscreve a nossa newsletter

Vê tudo em primeira mão na privacidade do teu email. Novos textos, futuros eventos, workshops e novidades da nossa loja online - sex shop!
error: Conteúdo Protegido
%d bloggers like this: