Fico sem saber que dizer, fazer ou que atitude ter

Já nos tínhamos cruzado várias vezes no hall de entrada. No entra e fecha a porta. No bom dia boa noite. Hoje calhou abrir a porta do elevador para subir ao nono andar e ver-te a olhar para o espelho a dar um jeito ao cabelo. Fiquei a olhar-te por breves segundos sem dizer nada. –…

É pra Avenida dos Aliados sff.

É pra Avenida dos Aliados sff. Dia de chuva e frio. Um taxista bem parecido que não tira os olhos de mim pelo espelho. Provoco com um subir de saia o que o deixa a gastar uma segunda em vez de pesar na embriaguem e meter uma terceira. Típico. Homens de aliança e barba por…

Cigarro partilhado

Entre as reentrâncias e saliências, do Bairro Alto Encontrei-te… No olhar a volúpia, No corpo, o ar de quem se dá a pecar… Aquele pecado, de sabor vadio, Como o fado cantado na tasca do lado. Olhavas-me com vontade de ouvir o mesmo fado Encostadas, fizemos companhia uma à outra Um cigarro partilhado Bolas de…

Alcoolizado de prazer

  Hoje Estou agora em cima de umas pernas de menina de saia vestida Confundo-me com o transparente que traz vestido Sinto a tua meia-calça nas minhas costas Vou escorregando pelas tuas pernas Quase que sinto o cheiro dos teus joelhos quando me agarras sem me deixar cair Deixas em cima da mesa sozinho Aberto…

Hoje não tiro os collants

  Sento-me à janela Já sei que estas atras da cortina a olhar pra mim Hoje só me vais ver a tomar café Hoje não tiro os collants A Maria dos Collants #69letras

saudade | s. f. | s. f. pl.

  saudade | s. f. | s. f. pl. (latim solitas, -atis, solidão) substantivo feminino Lembrança grata de pessoa ausente ou de alguma coisa de que alguém se vê privado. Pesar, mágoa que essa privação causa. saudades substantivo feminino plural Boas lembranças ou recordações (ex.: a antiga chefe não deixou saudades). Cumprimentos a alguém (ex.:…

Luzes Camara Ação

  Nascemos Vivemos um mundo estranho Medo qb Amor Conheci o amor e deixei de ter medo Força de vontade Amor Personalidade … Luzes Camara Ação … Fico Perturbo-me e cai-me o véu Tua presença inebria-me Enlouquece-me Tua presença transporta-me ate ao passado O teu toque poético e celestial ilumina-me Transformo-te És uma vez mais…