O tempo do destino…

Como é bom estar apaixonada…
Acordar e adormecer com aquele ser a ocupar os sentidos, a despertar um sorriso doce…
Como sabe bem o coração em constante palpitação, a mente em constante viagem, como são sentidos os suspiros esperançosos de que agora tudo fará sentido…
Pensamos

“Onde estiveste toda a minha vida?”
“Porque não apareceste mais cedo?”

Há quase uma cobrança ao destino da nossa felicidade… É então que ele nos responde que agora é que é por um série de porquês…

Porque a felicidade parte de nós,
Porque não poderia amar-te assim se a vida não me tivesse ensinado amor próprio primeiro,
Porque só sendo plena posso caminhar contigo pleno, lado a lado, sem atropelos…
Porque és tu quem eu quero e só agora o sei, porque só agora posso dizer que sei o que quero para mim…

Aprender a viver, a respeitar o tempo das coisas, algo tão essencial do qual nos esquecemos e exactamente por isso nos precipitamos nas armadilhas que o destino nos coloca ardilosamente no caminho…

Tudo tem um tempo, tudo tem o seu tempo… Agora é tempo de amar, agora é tempo de esperar, é tempo de existir com isto guardado em mim…

Acordando, sonhando, amando, ansiando, esperando…

© VickyM #69letras

Deixar uma resposta