Batalha vencida alma perdida

Tempo… o que afinal é o tempo ou quanto é que ele é realmente importante para que possamos medir um momento?


Jantares, cinema, Spas, Jóias, Sapatos e nada destrancou o meu coração e tu com apenas dois dedos me abriste toda para ti e agora saltas por entre os meus sentidos como se te sentisses em casa e eu adoro acolher-te. Adoro que tu agora sejas o meu centro onde te recebo de janelas abertas e morada arejada! Inspiro fundo e largo o ar devagar… como está fácil respirar!

.. e só de pensar no dia em que vou cobrir de branco todos os sonhos da minha casa e fechar as janelas porque partiste, toda luz que sinto se encoberta e no centro que te pertenceu o vazio novamente se instalará onde sonhos cancelados e pó tomarão teu lugar.
A saudade permanecerá e o tecto que foi teu por ti chorará.
Pela janela te verei sair, capuz na cabeça com as mãos nos bolsos nem nunca olhar para trás, mas dentro de ti apenas levarás a maior derrota da tua vida…

…aquela em que defrontaste o teu coração e mesmo que a tua cabeça tenha vencido a batalha contra o que pede a tua alma tu te sentirás um perdedor…

Batalha vencida
alma perdida.

© 👠Cátia Teixeira, Vizinha 69 Letras 2016

 


Regista o  teu cartão de cliente e obtém 10% de desconto em todas as tuas encomendas!

www.aubaci.com/69letras

 

Deixar uma resposta