Sem despedida…

Apelo aos anjos,
para que possam trazer-te de volta…
Foste,
sem me deixar chegar-te,
sem chegar a tempo do teu último sorriso,
do teu último suspiro…
Deixaste-me…
Despida, sem coragem para seguir neste caminho,
sem estrada, sem fim,
sem destino.

Sem despedida…
Rogo aos anjos para que
te tragam de volta e possa acariciar-te pela última vez e libertar as lágrimas no teu corpo, onde fui tão feliz,
para que possa contemplar o que me arrancaram de ti.
E tudo pela última vez…
Ficarei à espera do último adeus que não tive.
O último beijo, que não senti.
O último carinho, que não gozei.
O último suspiro, que não te sussurrei…
A lua que contigo não contemplei.
Dia após dia…
Ao fim de anos, espero por esse reencontro de almas,
e reviver no que me tornavas um ser mais feliz.
A luz tão intensa que brilhava, que por ti radiava, foi arrancada e destruída do meu olhar.
Fazias-me mulher
Fazias-me criança
Só tu o sabias como…
transformar a cor cinzenta num arco-íris.
E agora, o que serei ?
Serei as folhas de outono caídas, sobre as lágrimas derramadas nos caminhos por onde passámos.
Serei o deserto árido, com a falta do teu amor…
Onde secarei as minhas lágrimas, nesta infinita dor.
Aos deuses, aos anjos pedirei paz , pedirei trégua desta partida infinda.
Pedirei que me levem também e possa descansar de vez.

MissLost #69Letras

Deixar uma resposta