Reaprender…

Há pessoas que são o nosso lugar favorito, aos seus abraços circunscrito, nos bons e nos maus momentos, onde se intensificam sentimentos, para lhes podermos a dor aplacar, toda a tristeza serenar, numa cumplicidade perfeita, onde a entrega mutua é a eleita, aconteça o que acontecer, o bom, o mau e o viver.

São pessoas que nos fazem bem, mostram-nos o que de bom a vida tem, ensinam-nos como é bom voltar a amar, termos um porto onde nos abrigar, a gostarmos de nós como somos, e com transparência nos expomos, não descurando nenhum pormenor, fazem surgir em nós o temos de melhor.

Acabamos por nos entregar, nesse abraço nos entrelaçar, rendemo-nos a um amor tão sentido, de dores e cicatrizes despido, onde só o tu e o eu interessam, tanto as Almas que promessas professam, como os corpos já cansados, de desamores passados, acabam por ganhar vida, que há muito não era por eles sentida.

 Reaprendemos por fim a amar, encontramos esse nosso lugar, onde sabe tão bem viver, no teu peito poder adormecer, ouvindo o bater descompassado do coração, acabado de se entregar à paixão, serenando lentamente, pois sabe que é um amor diferente, de tudo o que já foi vivido, pois este é um amor para sempre e sentido.

Miss Kitty #69Letras

Deixar uma resposta