Encantada …

Não há mais paredes em meu redor…
Os meus pés andam soltos por ai em busca do que acho que tem a capacidade de renascer das ruínas e clamar pelo paladar fresco de um “primeiro” amor.

Julgo-me de facto uma aprendiz de feições delicadas , de alma voraz,
indomável, corajosa e … às vezes cruel. Talvez seja por isso que me retraio muitas vezes, quando sinto alguém aproximar demais, que nunca será demais , mas os receios confundem-me as distâncias!Acabo por refugiar-me no meu mundo ,
escrevendo os meus versos, arrastando os meus avessos, arrancando letras da Alma.

É assim que mantenho a minha sanidade… E é assim que me vou livrando dela a cada esquina de mais um dia que passa !
Guardando e escondendo tudo na caixa das memórias!

Queria poder olhar-te nos olhos , agora,
Abraçar-te e deixar-me beijar sem resistência!
Queria viver contigo as minhas obscenidades e indecências pagãs. Gemer alto ao entregar-me nos teus braços, deliciosamente rendida no massagear dos nossos corpos…

… Ilusão tão boa de se viver …
Quero esquecer as previsibilidade da vida …quero-Te meu. 

E que os teus princípios de vida não te impessam  de entender que não há o que perder!
Não me encho de esperanças nem expectativas…
Eu quero apenas que me escutes , me sintas…

Que te percas em mim e me faças perder em ti…
Eu preciso que me vivas …

©*MySighs* 2017 #69Letras

Deixar uma resposta