Aprendi a disfarçar, a sobreviver…

Gostava que chegasse até ti o barulho das saudades que habita no meu peito desde que seguimos caminhos em direcções opostas.
Tenho tantas saudades tuas, tantas saudades nossas, nem sei como as consigo suportar.


Tenho saudades de te chamar de minha rainha, tenho saudades de me sentir o teu rei.

Tenho saudades de amar e me sentir amado incondicionalmente.
Não sei como explicar a dimensão das saudades que a tua ausência causa em mim, só sei que quase não as sinto de tanto as sentir.
Sinto-me vazio, não me sinto.


Aprendi a disfarçar, a sobreviver, aprendi a suportar a vida sem ti, voltei a sorrir…

Mas só eu sei a falta que tu me fazes e tanta que é.

SilentSoul #69Letras

Deixar uma resposta