Doces & Sexo

1165c738892de40c49e6e09c55fd981d

3,2,1….

Vamos lá!

Início hoje uma nova rubrica 69Letras, porque é preciso falar de sexo! Ora então e assim sendo, todas as semanas, estarei aqui com um estudo ou um tema para analisar, esmiuçar e fazer(-vos) perguntas (in)discretas.

Quem se atreve a responder é o que vamos ver!

E como estamos numa época em que tanto se fala de alimentação vou começar por aí mesmo.

“Vontade de comer doces pode ser sinónimo de falta de sexo”

Quem o diz é Jena La Flamme, professora de sexologia e especialista em ajudar pessoas a perder peso com “prazer”. Espertalhona a senhora, hã?
Segundo ela, se o nosso corpo está privado do prazer sexual tem que procurar prazer em outras coisas e  é fácil preencher esse vazio com comer.
Faz sentido, certo? Se não há o bem bom, temos que afogar as mágoas em alguma coisa! E nós mulheres somos boas nisso, diga-se de passagem!

Portanto, na minha opinião é fácil compreender isso, pois o açúcar presente nos doces transmite uma sensação de prazer ao nosso cérebro, já que aumenta a produção de serotonina, que é uma das substâncias responsáveis pela sensação de bem-estar e prazer. Não é à toa que quando comemos um doce só apetece comer mais e mais… Mesmo que a vontade não seja comer doces e sim outras “porcarias”, realço o facto de quase todas essas coisas terem bastante açúcar na sua composição, mesmo que se tratem de salgadinhos e afins. São pequenos truques para tornar as coisas saborosas e quase viciantes.

Contudo, para Jena La Flamme é possível aliar o prazer sexual à perda de peso, não só pelas calorias que se perdem durante o ato em si, mas também porque uma vida sexual ativa e satisfatória, diminui a vontade de “porcarias”.
Eu cá concordo em absoluto!

E agora eu pergunto:

Andam por aí a comer muitos doces ou a perder peso com muuuuuito prazer?

Vá, contem-me tudo!!!

Kiss kiss,

Aphrodite ** #69Letras

Deixar uma resposta