Hoje… À bruta…

Conto Erótico | M18

Ai estas ganas de me entregar… De ser tua uma e outra vez… Soltar todas as minhas amarras, deixar o meu corpo às tuas taras às tuas manias, à tua língua, ao teu toque divinal…
Sinto-me livre apertada nos teus braços e certamente serei feliz amarrada, vendada e atiçada por esse tactear que se finge tímido…

Anda… Beija-me com toda essa vontade…

Segura-me pela nuca, sou tua, reclama-me!
Segura a juba e domina-me! Beija-me outra vez! Morde-me o pescoço e pára só para me dizeres no ouvido o que já sei…

Encosta-me à parede, sente o meu corpo… Afunda o nariz no meio dos meus seios…Sim é o teu cheiro, o que dizes ser viciante… Vira-me, arrefece a minha pele na parede fria e faz-me entrar em erupção por dentro… Percorre a linha que te leva à felicidade e agarra no meu rabo… Afasta as minhas pernas e encosta essa tesão contra mim, faz-me ir ao limite, ao limiar da loucura, do prazer e lembra-me outra vez quem manda…

Quero sentir essa palmada certeira… Não permitas que sinta a pele do teu peito, não! Tira-o para fora e f@de-me ali mesmo… Que as ganas são muitas e isto é só um aperitivo… Tenho as pernas fracas, acabei de gozar à volta do teu pau que pede mais… Deita-me e saboreia o meu prazer, os nossos fluidos misturados neste cocktail de luxúria, faz-me ir ao mais fundo dos 7 infernos e trás-me de volta para perceber que estou uma vez mais a ser possuída pela tua loucura… Reclama uma vez mais a minha boca, cala-me os gemidos que se querem transformar em grito, fornica-me a alma se dela restar um pedaço que não seja teu.
Ainda não uivei contigo, faz de mim a tua cachorra, estrangula-me e deixa-me sentir o teu orgasmo a inundar-me… Goza… Vem-te com a mesma fúria com que me comeste ainda agora… Cai comigo… Acaricia-me… Deixa a minha alma regressar ao corpo, deixa-me lembrar como se respira….E lembra-me com essa voz ainda embargada pelo desejo… “Só estamos a começar…”

©VickyM #69letras

Deixar uma resposta