Amas-me? Mostra-me!

Texto erótico | M18

Amas-me? Amas-me mesmo? Mostra-me isso, porra! Aparece em minha casa às 5 da manhã, só para me veres de pijama, despenteada e com cara de sono. Rouba-me cinco ou seis beijos enquanto falo ao telefone. Provoca-me enquanto conduzo concentrada no que estou a fazer. Faz qualquer coisa, mas mostra que me amas.
Usa essas mão habilidosas e tira-me a roupa! Rasga-a se for preciso, mas fá-la desaparecer. Suga-me os mamilos, lambe-me o pescoço, prova o meu sabor. Amarra-me. Domina-me. Leva-me ao limite da loucura. Faz-me suar! Faz cada gota de suor escorrer por entre os meus seios… Agarra-me pelo cabelo. Segura-o com força com uma mão e usa a outra para me dar prazer.
Beija-me com urgência, faz-me tua no mesmo instante. Noite e dia, a toda a hora quero ser tua. Entra em mim com violência! Se achas que sou uma princesa, considera-me uma princesa faminta de ti. Faz-me gritar, gemer, suplicar por mais. Leva-me ao paraíso e vem comigo. Faz do meu corpo o teu porto seguro. Faz do meu corpo o teu vicio. Quero-te viciado em mim! Ah se quero!!!
Se me amas, se me amas mesmo… Mostra-me… Nem que tenhamos que ficar apenas abraçados e em silêncio. É amor!

Raio de Sol | #69Letras

Deixar uma resposta