Sonho ou realidade!

Cansada, depois de um dia esgotante de trabalho no shopping.
Chego a casa, dispo-me e enfio-me no duche, deixo a água quente escorrer, a esponja com gel deixo-a brincar por cada recanto do meu corpo. Sinto aquele cheiro doce a pêssegos, fecho os olhos e deixo-me levar pelo som da água.
Perdida no tempo que estive no duche, saiu.
Como qualquer coisa e deito-me no sofá a ver um thriller. Adormeci.
O sono era tão profundo, que julguei estar a ter um sonho erótico.
Os bicos dos meus peitos endurecidos com o calor daquela boca, a língua a brincar com eles faziam-me formigueiro na barriga.
Senti o calor a descer pela minha barriga e sumir por entre as minhas pernas, soltei um gemido.
Os lábios, a língua a explorar cada parte da minha gruta, fazendo o meu corpo contorcer-se involuntariamente. Queria abrir os olhos, mas o desejo que o meu corpo emanava e a vontade louca que tinha de ser possuída, mantive-os fechados.
A forma como aquela boca sabia tocar cada parte, como aquela língua penetrava-me incansavelmente bebendo os meus fluidos, até me fazer atingir o orgasmo.
Ia abrir os olhos, mas senti puxarem-me mais para baixo, levantarem-me as pernas e senti aquele membro duro, teso e húmido, a suplicar para entrar. Deslizou suavemente, senti desde a cabeça até ao fim, cada veia a latejar e a sentir o quente daquele ninho.
Gemeu.
Iniciou a dança com passos suaves, depois foi aumentando o ritmo, até as nossas respirações estarem em uníssono.
Da minha boca além dos gemidos, pedia-lhe para me levar ao limite.
Queria-o sentir todo, bem fundo. Queria sentir aquele deleitoso fluido dentro e sobre mim.
O meu pensamento falou mais alto:- Dá-me um banho com esse leite, quero sentir esse teu prazer a escorrer por entre os meus lábios e pernas.
Deliciei-me com aquele fluido morno, gemia de prazer.
Pensei que tivesse sido um sonho, mas não.
Abri os olhos e vi o brilho de prazer e satisfação do meu companheiro por ver o meu rosto mais descontraído, menos stressada.
Puxei-o para mim e beijei-o com paixão.
Pegou em mim e levou-me para o nosso quarto….
LOLA #69Letras

Deixar uma resposta