Inveja…

Sinto inveja das peles que te tocam, das bocas que te beijam, das mulheres que te desejam, da maneira como te provocam, das camas onde te deites, com corpos entregues aos deleites, em lençóis desalinhados, de prazeres consumados, ornados de copiosos enfeites e cheiros a flores adocicados.
Invejo o teu respirar, nos beijos que te deixam sem ar, nas bocas que reclamas, que te deixam o corpo em chamas, anestesiado e com falta de ar, na incessante vontade de amar, esses que o teu corpo procura, nas esperança de encontrar a cura, das dores que teimam em queimar.
E é neste meu tanto querer, que te invejo sem maldade, na esperança de um dia conhecer, realizar todo o meu querer, esse corpo que é tão meu, pois a Alma a mim já se rendeu, numa empatia perfeita, de uma cama desfeita, onde não existe um tu e um eu.

Miss Kitty #69Letras

Deixar uma resposta