És o Verão do meu Inverno…

É no meu corpo gelado, triste e de Inverno povoado, que me tolhe os sentidos, como frio e chuvoso prado, adormece o desejo almejado, de viver momentos queridos, e por demais apetecidos, que te instalas e me aqueces, atendes as minhas preces, e despertas-me todos os sentidos.
Neste Inverno que me assola, cheio de árvores despidas, despojadas de suas vidas, é o teu corpo que me consola, o toque que teima em queimar, a temperatura elevar, pois trazes o Verão nos dedos, que desvendam todos os meus segredos, e de uma forma sentida, lentamente me devolvem a vida, e desvanecem tantos dos meus medos.
Do Inverno fazes Verão, onde perco a razão, derretes o meu gelo, quando o corpo te revelo, e o calor que o teu me traz, de prazer que me apraz, por seres Sol na minha vida, e na Alma tão ferida, que ao Inverno se entregou e o teu Verão em mim me acordou.
 
Miss Kitty #69Letras

Deixar uma resposta