Tortura do Vizinho

Texto erotico M|18 ? ? ? ? ? ?
Às 5ªs feiras o nosso Vizinho chegava sempre mais tarde. Ouvimos barulho em casa dele. Sabemos que está lá.
De ouvidos postos na porta esperamos pacientes o momento certo. Entrou no duche.
– Lola, tens a chave?, Sabes o que fazer!
Silenciosas como felinas predadoras entramos.
-Steel, ficas a vigia-lo quando ele sair, avisa. Eu, Marie e Peregrinus vamos preparar as coisas.
Marie tinha trazido o baloiço, a Peregrinus as cordas e eu, Lola não poderia deixar de vir de de chicote e algemas. A Steel trouxe as famosas velas, gelo e champanhe.
As quatro vestidas de cabedal e botas de cano alto. Tal e qual o nosso Vizinho gosta.
O vizinho sai do banho e fica pasmado mas ao mesmo tempo deliciado com o que vê. Tendo ele saído sem toalha do banheiro, conseguimos ver de imediato a sua bela tesão.
Estou com uma vontade enorme de por em pratica os meus novos conhecimentos, pensou a Peregrinus.
 – Ajoelha-te! Põe as mãos por detrás das costas!- Ordenou ela com um sorriso tesudo.
Steel já tinha aceso as velas com antecedência para quando chegasse a hora. Olhou para ele com desprezo e um ar altivo.
Despejou lentamente a cera já derretida pelo seu corpo frágil e vulnerável perante nós.
Vizinho grita entre gemidos de dor e de prazer.
-Lola! Acho que temos de lhe tapar a boca. Que dizes? -Pergunta Steel.
Nesse momento em que lhe tapam a boca é quando ele finalmente percebe que não se trata de uma brincadeira.
Estamos seriamente empenhadas em dar-lhe o castigo que merece. Perde o sorriso. Franze o sobrolho.
Marie lambe-lhe um mamilo e passe o gelo para o tranquilizar… um pouco.
– Olhos para baixo!- Comandou ela.
– Sim Mistress! – Disse o Vizinho quase submisso à nossa vontade.
– Vizinho!! Andaste a brincar connosco, agora é a nossa vez! -Disse a Lola.
Com a bota no peito dele, empurro-o até cair no chão. Com olhar superior e de matreira, levanto o meu chicote e deixo-o deslizar ao de leve pelo corpo dele. Vejo no olhar dele que está a ter prazer.
Paro o chicote, mesmo por cima do membro, dobro-o e ia chicoteá-lo, quando a Steel, diz:
– Lola!! Que vais fazer, mulher?!? Assim vais estragar o material!
Respondo a sorrir:
– Não Steel! Só vou agitar mais um pouco este Magnun. Mas podes me vir ajudar a saboreá-lo.
– Levanta-te e senta-te! -Disse Marie.
O vizinho obedeceu. ela sentou ao colo dele e sentiu o membro a elevar-se cada vez mais. tirou-lhe a mordaça e disse:
– Chupa-me os mamilos…..Anda!!
Agarrou-o pelos cabelos….
Marie #69Letras
Peregrinus #69Letras
Steel #69Letras
Lola #69Letras

Deixar uma resposta