Insegurança…

Insegurança, um sentimento que me tira toda a esperança, que a pele acutilantemente perfura, a carne fere sem o querer, enegrece a Alma sem o saber, deixa cicatrizes que não têm cura, rouba-me a réstia de luz nesta noite tão escura.

É todo este receio do tanto querer, do corpo que reclama sem te poder ter, da Alma que foge de mim para estar contigo, minha vida, amor, amante, amigo, do tudo o que sinto e não sei esconder, do desejo desenfreado de querer-te comigo.

Mas a vida ensinou-me a ser frágil e ao mesmo tempo forte, menina e mulher que desafia o destino, que me deu tanto de bom e tão repentino, não será por insegurança que me dou à morte, aceito o que vier com gosto, com um sorriso rasgado no rosto, oxalá seja um dia brindada pela sorte, e afaste de vez este oculto desgosto.

 

© Miss Kitty 2016 #69Letras

Deixar uma resposta