Sexy? Eu?

Hoje sinto-me cansada. E olhem que não é fácil. Vivo ligada à corrente mas hoje pareço mais adormecida que outra coisa.

Steel precisas de mimar-te! Isso! Mas como? São 19 horas e ainda não jantei…AH!!! Vou jantar fora! E na melhor companhia de todas! A minha!

Visto-me a rigor! Maquilhagem…nada! Só um batom nos lábios. Só porque me apetece. Pronta para sair comigo!

Entro no restaurante tailandês e sento-me sozinha. Estou tão extasiada por estar a fazer isto sozinha que nem ligo aos olhares indiscretos das mesas dos pares amorosos que decidiram hoje jantar fora.

O empregado, de olhos rasgados, aceita o meu pedido e afasta-se.
Enquanto espero pela bebida, pondero no que estou a fazer. Sozinha num restaurante.

E eis que o excesso de confiança desvanece.Sinto-me sozinha.Cada olhar indiscreto dos outros transforma-se em lobos maus e eu começo a sentir o lenço vermelho na cabeça a estrangular-me o pescoço, até que alguém se aproxima.

– Boa noite, importa-se que lhe faça companhia?
– De todo. Por favor sente-se.
– Perdoe-me a ousadia mas sinto que tenho o dever de lhe fazer companhia. Uma mulher sexy assim, sozinha a jantar, é pecado.
– Sexy? Eu?
– Já se viu ao espelho? Você é linda!
– Obrigado pelo elogio.
– Mas não foi isso que me prendeu a atenção.
– Não?
– Você passa de sexy a arrebatadora, cada vez que trinca os lábios! Deixa qualquer um doido!

Hummm, o que irá ser a sobremesa?

©Miss Steel 69letras 2017 

Deixar uma resposta