Numa só viagem.

image

Sussurrar-te-ei no ouvido que se queres estar dentro de mim é  lá  que deverias estar. Dentro e fora da pele, para que te transpire e molhe o teu corpo.
Dir-te-ei que  não  precisas de mapas, guiar-te-ei pelas colinas eriçadas pelo desejo descendo até à planície do meu ventre e quando estiveres pronto atira-te de cabeça para o melhor dos climas, o meu leito tropical que erguer-se-á para que proves a iguaria seculenta fruto da luxuria.
Conhecerás as tradições do meu corpo, descubriras que nao uso roupas, joias ou acessórios, apenas a alma. Cantar-te-ei gemidos que te farão  vir com tanta tesão, tocar-te-ei com paixão ,serás o meu instrumento de sopro e dançaremos a dança dos nossos corpos, livres despreocupados unidos num só destino,
num só corpo,
Numa só viagem.

Deixar uma resposta