Serei digna?!

Serei digna de amar?!
Sempre fui de paixões avassaladoras, intensas e furtivas. Mas essas chegaram ao fim sem deixar grandes marcas. Algumas até, penso como fui capaz de as viver.. Poucas foram aquelas que deixaram ferida, que pode já não se ver, mas ao tocar ainda se sente.

Confesso que por vezes pensei amar.. Mas estava errada.

O amor é muito mais do que intensidade..

O amor é a calmaria a equilibrar a loucura..

É o brilho no olhar que não esconde o sentimento..

É o arrepio.. Aquele arrepio ao sentir o beijo.. O toque.. O sussurrar no ouvido..

É o dilatar das pupilas quando se vê quem ama..

É a vibração do corpo só ao imaginar aquele abraço..

É a fome de querer sem ter muita sede de ir ao pote..

É sentir que ambos fazemos barulho em uníssono..

É olhar o físico e apenas ver a alma..

 

Serei digna que me amem?!
Eu só quero ser feliz!

Ter com quem partilhar a felicidade é o meu desejo.. Gerar frutos dessa felicidade é o meu sonho.

Adorava ser o motivo do sorriso e das gargalhadas expontâneas de alguém..

Ter uma mesa rodeada de amigos e família de ambos, a comer, a beber e a fazer desse, um momento mágico..

Poder passear pela praia de mãos dadas a contemplar o pôr do sol, tirar a roupa e mergulhar no mar maravilhoso para poder ser contemplada também..

Não ter toalha para me secar e ser ele a fazê-lo com o seu corpo quente..

Fazer um piquenique naquele jardim no meio do nada, simplesmente por esse motivo..

Levar uma garrafa de vinho e dois copos para a Ribeira do Porto e brindar àquele momento fantástico chamado NÓS..

Discutir só porque sim, discutir com motivos, mas no fim, terminarmos juntos.. Na cama de preferência!

E por falar nisso..

Que a loucura se mantivesse sempre no meio de nós!
Parece simples, mas..

Mas serei eu digna?!
Annastasia #69Letras

Deixar uma resposta