Padre Pecador

TEXTO ERÓTICO M|18 󾬥 󾬥 󾬥

Já nos conhecemos desde a puberdade, sempre foste linda, tentavas ser recatada mas o teu cabelo cor de fogo e o olhar esverdeado impossibilitavam poder ignorar-te, por razões que só o destino conhece criámos um laço forte.
Era o teu ombro amigo, teu confessor, vi-te tornar uma mulher decidida e poderosa , manda chuva de uma empresa do top 100.

Se eles sonhassem o que te habita por dentro, adoro as tuas chamadas para o confessionário, escolhes o sítio, sempre com classe, mas o teu padre não gosta de ser sempre igual e, hoje sinto-me autoritário.

Esperas-me vestida, sabes que adoro despir-te, enquanto o faço contas-me os teus últimos dias, teus projectos, arrepio-te e torturo-te com o meu toque, a minha língua que percorre já o teu corpo, deito-te, já não aguentas estar de pé, mordisco teu clitóris, enfio dois dedos na tua vulva e um no ânus, lambo-te demoradamente até te vires descontroladamente.

Saboreio teu doce e o teu grito ainda ecoa no quarto, sorrio maliciosamente, tiro o meu membro já duro, está na hora de te confessares, não vacila sequer, abocanha-lo como quem não come há dias, quase expludo de tesão, mas não…., Ainda não é o momento.., preciso estar dentro de ti, penetro-te quase violentamente, acusas a estocada com um engasgo contido, olhas-me e dizes-me: – “mais cão, dá-me mais”.., E eu dei, dei-te tudo tal como sabes que faço sempre.

Quando finalmente nos vimos em uníssono descansas em cima de mim e tentas recuperar o teu ritmo cardíaco, levantas-te e dizes-me vou-me lavar, olho-te no fundo dos teus olhos e digo-te, ainda não.

Tens que rezar para limpar os pecados deste padre, sorriste safadamente, e rezaste.

Bastardo #69Letras

 

Deixar uma resposta